Day Trade – O Que É? Como Funciona? Guia Definitivo!

day trade guia definitivo - Day Trade – O Que É? Como Funciona? Guia Definitivo!

Uma operação de day trade é caracterizada, principalmente, pelo fato de o investidor abrir e fechar a negociação de um ativo financeiro, no mesmo dia.

Ou seja, quando ele compra, e depois vende, ou, quando ele vende, e depois recompra o ativo, no mesmo dia, esse tipo de atuação é classificada e conhecida como uma operação de day trade.

De modo mais abrangente, as operações de day trade se diferenciam, principalmente, pelas seguintes características:

_Trata-se de uma modalidade de operação do tempo gráfico de curtíssimo prazo 1, 5, 15, 60 min…;

_Tem por obrigação ser finalizada no mesmo dia;

_A operação decorre dentro de volatilidade de curtíssimo prazo 1, 5, 15, 60 min…, portanto, sofre alta volatilidade;

_A operação é realizada em alta velocidade, e em curto espaço de tempo;

_Exige um alto nível de capacidade de análise, e, de reconhecimento de padrões gráficos por parte do trader;

_Exige por parte do trader uma grande capacidade de reagir rapidamente aos fatos;

_Exige por parte do trader um alto nível de equilíbrio emocional (frieza);

_Exige por parte do trader um altíssimo nível de disciplina para a execução exata da estratégia operacional;

_Exige um altíssimo nível de disciplina para execução do manejo de risco;

_Pode ser utilizada alavancagem nas operações;

_Expõe o trader a um nível altíssimo de risco;

_Carrega a possibilidade de obter altas porcentagens de rentabilidade, em curto espaço de tempo.

Entendidas essas características principais, vamos falar agora de alguns detalhes especiais.

Entenda o termo trader.

O termo (Trader) vem do Inglês, e significa “negociante”.

Como sabemos, um negociante é um profissional que tem por objetivo ganhar dinheiro comprando e vendendo algo.

E no caso dos traders do mercado financeiro, o objetivo é comprar e vender qualquer tipo de ativo financeiro, seja ele moedas, ações, títulos públicos, contratos futuros, opções etc, com o objetivo de lucrar.

Más, o fato mais importante que você precisa entender sobre se tornar um trader é que, para ter sucesso nessa profissão, tudo depende única e exclusivamente da dedicação e da disciplina de cada um.

Entenda a forma como um trader atua no mercado.

Uma das principais características de todo trader é, além de ter o objetivo de lucrar, procurar maximizar a eficiência de suas operações, e com isso, a sua rentabilidade.

Más, um fato muito importante que precisa ser destacado é que, buscar melhorar a eficiência operacional, nada tem a ver com ter que operar no day trade, muito pelo contrário, a possibilidade de poder ganhar dinheiro rápido, muitas vezes é o canto da sereia para os novatos despreparados.

Ou seja, um trader pode operar em qualquer tempo gráfico, não somente no day trade, ok?

Portanto, o que classifica uma pessoa como trader, não é o fato de a pessoa ter que operar no day trade, ou não, e sim, o fato da pessoa atuar mais ativamente, utilizando as operações no mercado financeiro como fonte de renda.

Algumas das principais características que diferenciam um trader de um investidor comum são, o maior nível de conhecimento técnico, más principalmente, a auto confiança, e a capacidade de reagir rapidamente aos diferentes cenários.

Portanto, um trader competente deve ter uma ótima compreensão da dinâmica do funcionamento do mercado financeiro, assim como também, a forma como a economia afeta os vários ativos financeiros.

E através de estudos e análises, o trader deve conseguir saber, e até mesmo antecipar, o que poderá acontecer com determinado ativo.

Más principalmente, o trader deve confiar em sua capacidade de análise, e ser capaz de agir rapidamente de acordo com os diferentes cenários.

Por mais que isso possa parecer impossível para um leigo, eu afirmo para você, sim é totalmente possível prever, até certo ponto, o que poderá acontecer.

A prova mais contundente de que, o que estou dizendo é verdade, e que um trader pode atingir todas essas características citadas ao nível da excelência, é o mega investidor George Soros.

Soros ficou conhecido como o homem que quebrou o Banco da Inglaterra em 1992, quando ganhou cerca 1 bilhão de libras apostando “contra” a libra esterlina, a moeda corrente no Reino Unido.

Em 16 de setembro, no dia conhecido como “quarta-feira negra”, o Tesouro britânico perdeu bilhões em reservas, forçando a retirada da libra do Mecanismo Europeu de Taxas de Câmbio.

Graças a esse e outros investimentos semelhantes, Soros consolidou sua imagem como principal trader de moedas no mundo.

Aí eu te pergunto, se Soros não fosse capaz de prever o que iria acontecer, e, se em algum momento, ele não tivesse confiado em sua capacidade de análise, ele teria sido bem sucedido? Não, não é verdade?

Se ele não tivesse confiado em si mesmo, ele não teria agido. 

Más, mesmo que ele tivesse confiança, se ele não tivesse capacidade de ação, ele não teria aberto a operação, com isso, ele simplesmente não teria conseguido esse resultado incrível.

Você consegue imaginar o volume de dinheiro envolvido nessa operação? É algo realmente, quase inacreditável.

Para ele ter tido um lucro de $ 1 bilhão, o volume movimentado teria que ser de dezenas, ou, centenas de bilhões.

Você consegue imaginar o nível de risco e de pressão psicológica envolvidos nessa operação?

Ele mesmo afirma que depois que ele abre algumas de suas operações ele não consegue dormir, de tão grande é a posição que ele aporta. 

Dá para imaginar isso? O nível de confiança necessário para abrir operações desse tamanho?

Aos olhos de uma pessoa comum, os feitos de Soros chegam a ser inacreditáveis, e inatingíveis.

Seus feitos chegam a parecer sobre-humanos, tamanha é a diferença de comportamento e resultados em comparação à grande maioria da população.

Particularmente, confesso que os feitos de Soros me inspiraram a seguir no caminho do trade.

No início, quando eu sentia medo antes de abrir uma operação pequena, eu lembrava o quanto isso era insignificante perto dos feitos de Soros, e isso me encorajava.

Sendo sincero, eu ganhei um bom dinheiro me posicionando no dólar durante essa última forte alta da paridade, dólar comercial x real brasileiro, que teve início em 2011 e persiste até o momento, com o dólar batendo a cotação histórica de R$ 5,71 na semana que escrevo esse post.

E a história de Soros me ajudou nessa conquista.

Após anos dessa operação em andamento, ela me gerou uma rentabilidade total de mais de 300%.

Más, também só consegui isso porque segui exatamente essas características que acabei de descrever:

_Desenvolvi minha capacidade de leitura da análise gráfica e da análise técnica; 

_Desenvolvi minha capacidade de leitura da dinâmica do comportamento do mercado financeiro;

_E principalmente, desenvolvi confiança em minha análise, e disciplina para a realização das operações.

Caso contrário meu caro, como se diz na gíria de mercado, você fica chupando o dedo, vendo a operação fazer exatamente o que você tinha imaginado, más, com você do lado de fora, sem lucrar.

Ou seja, fazer toda uma análise corretamente, más, não abrir a operação, e depois ver o quanto você poderia ter ganho, nossa, é triste! 

Eu já passei por isso e garanto para você, é uma das piores dores que você pode ter.

Ou seja, atuando como trader, se você não for capaz de confiar em si mesmo, e principalmente de agir, você vai perder o trem.

Como um trader pode atuar
no day trade?

Bem, de modo geral, todo negociante visa comprar barato e vender caro, não é mesmo? E no caso dos negociantes do mercado financeiro, o objetivo é o mesmo.

Más, no caso de ativos do mercado financeiro, o negociante tem mais formas para atuar, como por exemplo, atuar tanto na mão de compra, quanto na mão de venda, como vou explicar mais adiante, entre várias outras formas de atuar.

De modo geral, tirando os pontos negativos que irei explicar mais adiante, operar no day trade também traz alguns pontos positivos, entre eles, posso citar o fato de você poder ficar líquido no final do dia.

Más, como assim ficar líquido?

Ao operar no day trade, somos obrigados a fechar a posição no mesmo dia, com isso, ao final do dia estaremos com o dinheiro líquido na conta novamente.

Ou seja, estaremos do lado de fora do mercado, com isso, não vamos dormir posicionados nas ações.

E qual é a vantagem disso?

A vantagem de não dormir posicionado é que, em momentos de grande pressão de venda como o que estamos vivenciando atualmente, com fortes quedas nas cotações devido a pandemia, nós não ficaremos expostos ao risco da incerteza do dia seguinte.

Ou seja, não correremos o risco de sofrer com o chamado gap de abertura.

O gap, que significa (salto) em inglês, acontece quando na abertura do dia seguinte, a cotação abre bem acima, ou, bem abaixo, da cotação de fechamento do dia anterior.

Se por exemplo, você estiver posicionado visando u prazo mais longo, e no dia seguinte a cotação abrir em gap de baixa, você pode acordar já sofrendo uma desvalorização que pode passar de 10% de queda, dependendo da situação.

Más, você também pode acordar com a bela surpresa de um gap de alta, ou seja, acordar com a cotação dando um belo salto de valorização que pode passar de 10% de alta por exemplo. 

Portanto, a meu ver, evitar grandes gaps de baixa é um dos pontos positivos de operar no day trade.

Outro ponto positivo que vejo nas operações de day trade é a facilidade para operar nas duas mãos de atuação.

Ou seja, no day trade é mais fácil abrir operações na mão de venda, através de operações conhecidas como venda à descoberto.

Entenda a venda à descoberto.

Como disse, no mercado financeiro, o trader pode atuar através de operações nas duas mãos, tanto na mão de compra, quanto na mão de venda.

Ou seja, se o trader acredita que a cotação, a partir de um determinado ponto, tem maiores chances de subir, ele abre uma posição normal na mão de compra, e espera pela valorização da cotação, em seguida, vende a cotações mais altas, e ganha com a diferença entre o valor da compra e o valor da venda, ok?

Más, o trader também pode atuar na mão de venda.

Assim, se ele acredita que a partir de determinado ponto, a cotação tem maiores chances de cair, ele pode vender as ações, mesmo sem tê-las, aguardar a queda dos preços, recomprar, e assim, lucrar com a diferença entre o preço de venda, e o preço de recompra.

Com esse tipo de operação ele poderá, também, lucrar com a queda dos preços.

Esse tipo de operação, onde você vende algo que você não tem, e, sem nenhum tipo de proteção para a sua posição é conhecido como venda à descoberto.

Más, como assim proteção para a operação?

O termo à descoberto, vem do fato de a posição aberta não ter uma outra posição que a “cubra” (proteja), daí o termo “à descoberto”. 

Toda operação pode ser protegida com a abertura de uma posição contrária àquela que você abriu, no que é conhecido como posição de hedge (proteção).

Como por exemplo, lançar opções, neste caso a operação é conhecida como (lançamento coberto com opções). 

Ou, por exemplo, vender ações, e juntamente com isso, comprar ações que conhecidamente tem um (beta) contrário ao (beta) da posição vendida etc.

Obs.: O beta é um índice que pode servir como indicador, do quanto uma ação tem por característica seguir o comportamento do índice.

Voltando ao assunto da venda à descoberto, deixe-me dar um exemplo:

Se eu vejo que uma ação está esgotando sua alta, e, que poderá cair, eu poderia abrir uma operação de venda à descoberto.

Se essa ação estiver custando $ 10 reais por exemplo, e eu vender 5 mil ações, será creditado em minha conta $ 50 mil reais, certo?

Se eu acertar a minha análise, e a cotação realmente cair, por exemplo 1%, e a cotação for para R$ 9,90, quando eu recomprá-las, eu pagarei R$ 49.500 certo?

A diferença entre o valor da venda, e o custo da compra, que é de $500 reais, será meu lucro bruto.

Desse valor ainda serão descontadas as custas de negociação, e o restante, será meu lucro antes de impostos, ok?  

Essa forma de atuar, na mão de venda, pela venda à descoberto, é muito mais fácil de ser feita através do day trade, onde quase não existe burocracia.

Pelo day trade, você pode simplesmente abrir a boleta de negociação e vender ações, sem nenhum problema, desde que você obrigatoriamente encerre a operação, recomprando-as até o final do dia.

Más, e se você quiser vender ações, e quiser carregar a posição vendida por mais tempo?

Neste caso, antes, você terá que entrar em contato com a sua corretora, e assinar um contrato de BTC, que é uma permissão para alugar os papéis de outra pessoa, para só assim alugá-lo, e, poder carregá-lo por vários dias.

E no caso de você querer carregar uma posição vendida em contratos futuros para vários dias?

Em alguns casos, você terá que fazer uma rolagem de contrato, más, esse é um assunto para outro post.

Dito isso, vamos em frente.

Day trade – As desvantagens
que vejo.

Hoje em dia, com os avanços da tecnologia, principalmente do Home Broker, muitos traders operam remotamente, de seus escritórios, ou, a partir de suas casas.

Más, más, más, o avanço da tecnologia está gerando insegurança, e polêmica, entre os investidores do mercado financeiro!

Isso porque, a tecnologia também está causando a utilização de novas, perigosas e injustas, ferramentas operacionais, como é o caso da utilização de robôs de investimento.

Ou seja, grandes instituições, e mesmo pessoas físicas, estão utilizando algoritmos capazes de cruzar informações, tomar decisões e fazer várias operações, em frações de segundos.

Más, eu acredito que isso seja possível de ser feito, somente, dentro do dia.

Ou seja, acredito que isso ocorra somente, em operações de day trade.

Más, aí nasce a pergunta que não quer calar!

Com todas as variantes de decisões que podem ser inseridas em um algoritmo avançado, e principalmente, com a fraca fiscalização do setor, quem garante que dados dos investidores não estejam sendo utilizados para abrirem operações contra as suas posições no day trade?

Ninguém pode afirmar que isso não esteja acontecendo, não é mesmo?

Este é o primeiro ponto negativo que vejo.

O segundo ponto negativo que vejo é que, se você começar a operar no day trade sem estar muito bem preparado, e cometer um erro muito grave, principalmente, se estiver alavancado, você pode ter um prejuízo considerável, que pode te tirar do mercado definitivamente.

Ou seja, operar no day trade exige muita competência, muita responsabilidade, muita disciplina, e não dá margem para erros.

E, o terceiro ponto negativo que vejo, são os custos operacionais.

Porque como geralmente operando no day trade são feitas mais operações ao longo do mês, se o montante operacional for pequeno, não compensará os custos e o risco.

Porque as taxas operacionais e a alíquota de imposto de renda mais alta de 20%, vão corroer boa parte do seu lucro, entende?

Day Trade – Operar ou não?

Bem, a decisão sobre o que fazer em sua vida é sua, portanto, muito pessoal.

Más, serei muito sincero sobre o meu ponto de vista, ok?

Como não tenho vínculo algum, com nenhuma instituição financeira, sou livre para expor honestamente o que penso.

Só pelos fatos que expliquei anteriormente já fica claro o meu ponto de vista sobre, operar, ou não, no day trade.

Sendo sincero, eu opero com foco nos tempos gráficos maiores, porque para mim, o tempo gráfico do day trade sempre foi muito nebuloso.

Ou seja, a mais de 10 anos atrás eu já operei ativamente por um curto período no day trade, más, vi muitas coisas estranhas acontecerem, como o chamado (violino).

O violino ocorre quando a cotação cai muito rapidamente, por poucos segundos, “parecendo que somente” para executar sua ordem de stop loss, e em seguida, ela volta rapidamente aos valores anteriores.

E a aproximadamente 8 anos atrás descobri que robôs estavam sendo utilizados em operações no day trade.

Será mera coincidência?

Quando descobri eu já não operava mais no day trade, más a partir do momento que descobri isso, decidi que não iria mais operar neste tempo gráfico definitivamente.

Minha decisão está baseada no simples fato de eu não concordar com a utilização de robôs de negociação.

Também, porque acredito que não exista regulamentação nem fiscalização adequada a respeito.

E o mais importante, nenhum ser humano pode superar uma inteligência artificial, ok?

Más, ao contrário do day trade, não vejo nenhum problema em continuar operando em tempos gráficos mais longos, porque acredito que os robôs não conseguem afetar esses tempos gráficos.

Ou seja, dentro do dia, os robôs podem até ser utilizados para forçar as operações para algum lado, más, eles não podem fazer isso por longos períodos, devido ao enorme volume de dinheiro, e toda a burocracia necessária para isso.

Com isso, acredito que os robôs não podem alterar a tendência de maior prazo, como as tendências, primária de alta, ou, primária de baixa.

Pode ser difícil para você entender o que expliquei, más, mesmo que robôs estejam sendo utilizados, acredito que existe um limite para a sua atuação, ok?

Por todos esses motivos eu reforço, um trader não precisa obrigatoriamente operar no day trade, certo?

É muito importante você entender isso.

Eu opero em tempos gráficos maiores, e tenho ótimos retornos de forma muito tranquila.

Day Trade - A importância de estudar antes de operar.

Se você gosta do mercado financeiro, e gostaria de atuar como trader, más, ainda não consegue entender tudo o que acabei de explicar, esse deveria ser mais um forte sinal para você, sobre como é muito importante estudar, e, entender bem os conceitos mais importantes, “antes de começar a operar”.

E se você tem interesse em aprender tudo o que é necessário para se tornar um trader profissional eficiente, e quiser conhecer a forma como atuo no mercado de ações, eu revelo todos os meus maiores segredos no meu curso, Aprenda Como Investir Em Ações.

Nesse curso eu vou te explicar tudo, tudo o que você precisa saber para ter sucesso no mercado financeiro.

Vou explicar desde conceitos básicos, até conceitos avançados como, conceitos da análise fundamentalista, conceitos da análise gráfica e conceitos da análise técnica.

Passando também pelo rastreio, registro e cálculo das operações, incluindo as diferentes formas de operar, postura mental ideal, disciplina, gerenciamento de risco, e geração dos impostos de renda à serem pagos.

E melhor, tudo isso com a ajuda de ferramentas de suporte inéditas, inovadoras, extremamente poderosas, e principalmente, fornecidas na forma de bônus, sem nenhum custo adicional para você.

Isso mesmo, você terá acesso a ferramentas profissionais, sem pegadinhas, sem mensalidades, nem renovações, nada disso, você só paga o curso, que está com um super desconto.

Esse curso foi desenvolvido pensando especialmente em ajudar você, e facilitar ao máximo a sua vida na jornada como trader, rumo a rendimentos fantásticos.

Desejo sinceramente que você aproveite todas as vantagens do mercado de ações.

Portanto, se você quer trilhar um grande atalho, que ajude você a evitar vários caminhos falsos, que ajude você a evitar vários erros, e o mais importante, que ajude você a conseguir ganhos consistentes no mercado de ações, recomendo fortemente que você conheça o meu curso Aprenda Como Investir Em Ações.

Conclusão.

A mensagem mais importante que você precisa entender hoje é a seguinte:

“Você vai ouvir em muitos lugares por aí que, para você ser um trader, você precisa operar no day trade. Más, se você entendeu tudo que expliquei até agora, vai concordar que isso não é verdade.”

Essa é uma mentira que é dita para induzir os novatos despreparados, e inexperientes, a começarem a operar justamente pelo day trade, que é o tempo gráfico mais difícil de todos, ok?

Ou seja, se você quer atuar como trader, poderá operar no médio e longo prazo, como swing trader, ou, como position trader, e conseguir ótimos resultados, de forma muito mais tranquila e segura.

Bem amigo (a), espero sinceramente que essa postagem tenha sido útil para você, e peço que você reflita sobre tudo o que escrevi neste post, porque cada letra escrita aqui foi pensada no seu benefício. 

E se você tiver interesse em conhecer mais sobre o dia a dia operacional de um trader, e quiser saber como estou educando meu filho sobre esse assunto, recomendo fortemente que leia meu outro artigo sobre esse tema, o Profissão Trader – Como Estou Ensinado Meu Filho A Se Tornar Um Trader Vencedor.

Fico por aqui.

Até a próxima postagem.

Forte Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *