Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

os 10 homens mais ricos do mundo em 2020 640x360 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Os 10 homens mais ricos do mundo! Neste artigo você saberá quem são os homens mais poderosos de 2020, um pouco do início de suas histórias, o valor de suas fortunas atualizadas em 2020, e como foram as suas jornadas para o sucesso.

Muito importante ressaltar, que todos os bilionários desta lista têm uma coisa em comum, e que com certeza devemos replicar em nossas vidas, que é um alto nível de conhecimento sobre finanças pessoais e sobre o universo dos investimentos.

Ou seja, todos eles são ótimos gestores financeiros.

Esta lista foi retirada do ranking da Bloomberg, que é atualizada diariamente.

Portanto, fique comigo até o final desse artigo, e vamos conferir juntos essas histórias inspiradoras.

Para a data de 16 de julho de 2020, no meio da pandemia do corona-vírus, essas são as personalidades que se destacam como os 10 homens mais ricos do mundo:

 

Rank

Nome

Total do patrimônio

País

Industria

1

Jeff Bezos

$ 176B

Estados Unidos

Tecnologia

2

Bill Gates

$ 117B

Estados Unidos

Tecnologia

3

Bernard Arnault

$ 94.1B

França

Consumo

4

Mark Zuckerberg

$ 91.9B

Estados Unidos

Tecnologia

5

Steve Ballmer

$ 73.2B

Estados Unidos

Tecnologia

6

Warren Buffett

$ 72.2B

Estados Unidos

Diversificado

7

Larry Page

$ 71.8B

Estados Unidos

Tecnologia

8

Mukesh Ambani

$ 71.6B

Índia

Energia

9

Sergey Brin

$ 69.6B

Estados Unidos

Tecnologia

10

Elon R. Musk

$ 68.7B

Estados Unidos

Tecnologia

Índice Automático.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 1 - Jeff Bezos.

Jeff Bezos 300X300 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 176B

Idade: 56 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: Amazon

Os 10 homens mais ricos do mundo - Jeff Bezos - Jornada.

Nome original Jeffrey Preston Jorgensen “Jeff” Bezos.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Bezos está decolando, como um de seus foguetes.

A poucas décadas atrás, poucas pessoas no mundo conheciam seu nome, más agora é difícil encontrar alguém que nunca tenha ouvido falar nele.

Bezos é um empresário estadunidense conhecido por fundar, ser o presidente e CEO da Amazon, que, atualmente, julho de 2020, é considerada a maior empresa varejista, e, de comércio eletrônico, do mundo.

Infância e educação.

Jeff Bezos nasceu em 12 de janeiro de 1964, em Albuquerque no Novo México.

Filho de uma mãe adolescente, Jacklyn Gise Jorgensen e o pai Ted Jorgensen.

Seus ancestrais maternos eram colonos que viviam no Texas.

O avô materno de Bezos era Lawrence Preston Gise, um diretor regional da Comissão de Energia Atômica dos Estados Unidos (AEC) em Albuquerque.

Gise se aposentou cedo e foi para o rancho, onde Bezos passou muitos verões ainda jovem.

Jeff Bezos mostrava interesses científicos e proficiência tecnológica.

A família mudou-se para Miami, Flórida onde frequentou o Miami Palmetto High School.

No ensino médio, ele frequentou o Programa de Treinamento de Ciências Estudantis na Universidade da Flórida, recebendo um Prêmio Prata Cavaleiro em 1982.

Ele era um *valedictoriano do ensino médio de um Estudo Nacional de mérito.

*(Um valedictorian é um título acadêmico de sucesso usado em alguns países como os Estados Unidos, para o aluno que faz a declaração de encerramento ou de despedida em uma cerimônia de graduação. O orador oficial escolhido é tradicionalmente o aluno com a classificação mais alta entre sua turma de formandos).

Em 1986, Bezos formou-se *Phi Beta Kappa da Universidade de Princeton com licenciatura em engenharia elétrica e ciência da computação.

Em Princeton, foi eleito para **Tau Beta Pi e atuou como presidente do capítulo Princeton dos Estudantes para Exploração e Desenvolvimento do Espaço.

*(Phi Beta Kappa é a mais antiga sociedade de honra nas áreas de ciência e arte liberal dos Estados Unidos, com 283 capítulos ativos).

**(A Tau Beta Pi é a sociedade de honra mais antiga dos Estados Unidos na área de Engenharia. Nos Estados Unidos, sociedades de honra são organizações profissionais criadas para reconhecer a excelência de um profissional entre seus pares).

Os 10 homens mais ricos do mundo - Jeff Bezos - Carreira.

Depois de se formar em Princeton, Bezos trabalhou em Wall Street de 1986 a início de 1994, em várias áreas.

Depois trabalhou na construção de uma rede de comércio internacional para uma empresa conhecida como Fitel.

Mais tarde, trabalhou em oportunidades de negócios com acesso à Internet em fundos de cobertura na empresa D. E. Shaw & Co.

Ele deixou seu trabalho bem remunerado em um fundo de cobertura da cidade de Nova York depois de aprender “sobre o rápido crescimento do uso da Internet”.

Esse fato coincidiu com uma decisão do Supremo Tribunal dos EUA que dispensou as empresas que trabalham de forma online (por correspondência) de pagar impostos sobre vendas nos estados onde eles não têm presença física.

No final de 1994, Bezos fundou a Amazon.com.

Inicialmente instalou a empresa em sua garagem.

Os pais de Bezos investiram US $ 300.000 de suas economias de aposentadoria na Amazon.

A empresa começou com o comércio de livros e expandiu para uma grande variedade de produtos e serviços.

Atualmente, a empresa também é o maior fornecedor mundial de serviços de infraestrutura em nuvem através do seu braço Amazon Web Services.

Bezos também tem uma holding, que gerencia uma série de outros investimentos empresariais, a Bezos Expeditions.

Blue Origin.

Quando o tema é os 10 homens mais ricos do mundo, Bezos se destaca como um dos mais visionários de todos, pois tem projetos inovadores incríveis.

No ano de 2000, Bezos diversificou seus interesses comerciais fundando a empresa aeroespacial Blue Origin.

A Blue Origin é uma empresa de voo espacial humano, parcialmente resultado do seu fascínio pelas viagens espaciais, incluindo um interesse precoce em desenvolver “hotéis espaciais, parques de diversões, colônias e pequenas cidades para 2 milhões ou 3 milhões de pessoas vivendo em órbita da Terra”.

A empresa ficou em segredo por alguns anos, tornou-se publicamente conhecida apenas em 2006, quando comprou terras consideráveis no oeste do Texas para instalações de testes.

Em uma entrevista de 2011, Bezos indicou que ele fundou a empresa espacial para:

“As pessoas a entrarem no espaço.”

E declarou que a empresa estava comprometida em diminuir o custo e aumentar a segurança do voo espacial.

A Blue Origin é uma das várias start-ups com o objetivo de abrir viagens espaciais aos clientes pagantes.

Como a Amazon, a empresa era secreta, mas em setembro de 2011 revelou-se que a Blue Origin tinha perdido um protótipo de veículo não tripulado durante um pequeno período.

Embora este tenha sido um revés, o anúncio da perda revelou pela primeira vez o quão longe o time da Blue Origin havia avançado.

Em uma entrevista de Miami Herald em 1982, depois que foi nomeado estadista de classe do ensino médio, Bezos, então com 18 anos, disse que queria construir hotéis espaciais, parques de diversões e colônias para 2 milhões ou 3 milhões de pessoas que estariam em órbita:

“A ideia é preservar a terra.”

Disse ele ao jornal …

“O objetivo é poder evacuar humanos para o espaço. O planeta se tornaria um parque.”

Em 2013, Bezos teria discutido oportunidades e estratégias comerciais de voos espaciais com Richard Branson, presidente da Virgin Galactic:

“A visão da Blue Origin é bastante simples. Queremos ver milhões de pessoas vivendo e trabalhando no espaço. Isso vai levar muito tempo. Eu acho que é um objetivo que vale a pena.”

Bezos vê o espaço como sendo:

“Cheio de recursos.”

E prevê uma:

“Grande Inversão.”

Onde surgirá:

“A comercialização do espaço que se estende por centenas de anos, levando a uma era em que milhões de pessoas viveriam e trabalhariam no espaço.”

Ele vê a energia e a fabricação pesada ocorrendo no espaço, tendo o efeito de reduzir a poluição na Terra, reduzindo a probabilidade de que:

“Algo ruim aconteça com a Terra.”

Bezos disse que está tentando mudar a estrutura de custos fundamentais do acesso ao espaço.

Em 23 de novembro de 2015, o veículo espacial New Shepard da Blue Origin passou com sucesso para o espaço, atingindo a altitude de teste planejada de 1009 quilômetros antes de executar um pouso vertical no local de lançamento no oeste do Texas.

Blue Origin está em um extenso programa de testes de voos da New Shepard, que espera começar a transportar “passageiros de teste” em 2017 e iniciar voos comerciais em 2018.

Em junho de 2016, Bezos reiterou seu objetivo a longo prazo para ver quase todas as fábricas de fabricação industrial pesada no espaço como parte de uma entrevista ampla, mas rara.

Em setembro de 2016, ele acrescentou que esperava colonizar o sistema solar.

Recentemente, Bezos também revelou que estava vendendo cerca de US $ 1 bilhão em ações da Amazon por ano para financiar sua empresa de foguete Blue Origin.

Em julho de 2018, a Blue Origin anunciou que pretende colocar o homem de volta à Lua até 2023.

Jeff Bezos - Expeditions.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo, Bezos se destaca pela quantidade de empresas que ele tem participação e ajudou.

Bezos faz investimentos pessoais através do veículo de capital de risco Bezos Expeditions e apoia empresas em uma ampla gama de indústrias.

Ele foi um dos primeiros acionistas da Google, quando investiu US $ 250 mil em 1998. Esse investimento resultou em 3,3 milhões de ações do Google, no valor de US $ 3.100 milhões hoje.

Ele também investiu na Unity Biotechnology, uma empresa de pesquisa de extensão de vida que espera retardar ou parar o processo de envelhecimento.

Abaixo está uma lista parcial de empresas que foram financiadas, pelo menos em parte, pela empresa, Expeditions de Bezos:

_Airbnb – mercado de aluguel de casas online;

_Aviary – software (edição de fotos);

_Basecamp – software (gerenciamento de projetos);

_Behance – rede de auto-promoção;

_Blue Origin – viagem espacial;

_Business Insider – publicação;

_Crowdrise – plataforma de doação de caridade com fins lucrativos;

_Domo – software (business intelligence);

_D-Wave – computação quântica;

_General Assembly (Escola) – educação tecnológica;

_General Fusion – energia sustentável (fusão nuclear);

_Glassybaby – apoia pacientes com câncer;

_Google – mecanismo de pesquisa;

_Juno Therapeutics – cancer biofarmacêutico;

_Kongregate – jogos online;

_Linden Lab – jogos online (Second Life);

-Lookout – tecnologia (segurança móvel);

_MakerBot Industries – Impressoras 3D;

_MFG.com – fabricante mercado direto;

_Nextdoor – redes sociais localizadas;

_Pelago – jogos online;

_Powerset – mecanismo de busca em linguagem natural;

_Pro.com – mercado de serviços domésticos;

_Qliance – cuidados de saúde;

_Rescale – simulações de computação em nuvem;

_Rethink Robotics – robôs de fabricação;

_Sapphire Energy – energia sustentável (petróleo bruto de algas);

_Skytap – computação em nuvem;

_Stack Exchange – publicação de tecnologia;

_TeachStreet – mecanismo de busca para encontrar professores;

_Twitter – redes sociais;

_Uber – tecnologia e transporte;

_Vessel – serviço de vídeo de inscrição;

_Vicarious – inteligência artificial;

_Workday – software para empresas;

_ZocDoc – software (consultas médicas).

Bezos também se envolveu no setor de saúde, que inclui investimentos nas empresas Unity Biotechnology, Grail, Juno Therapeutics e ZocDoc.

Em janeiro de 2018, foi anunciado que Bezos estaria participando de um empreendimento de saúde, sem nome.

Este empreendimento deverá ser uma parceria entre a Amazon, JP Morgan e Berkshire Hathaway.

Jeff Bezos - Filantropia.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Bezos também se destaca por sua generosidade em ajudar a sociedade na forma de doações em dinheiro.

Em julho de 2012, Bezos e sua esposa doaram pessoalmente US $ 2,5 milhões para apoiar um referendo de casamento do mesmo sexo que passou com sucesso em Washington.

Em janeiro de 2018, eles anunciaram uma doação de US $ 33 milhões para o TheDream.US, um fundo de bolsas de estudos para imigrantes indocumentados trazidos para os Estados Unidos quando eram menores de idade.

Projetos sem fins lucrativos financiados pela Bezos Expeditions incluem:

_Centro Bezos de Inovação no Museu de História e Indústria de Seattle – US $ 10 milhões.

_Recuperação de dois motores Rocketdyne F-1 do primeiro estágio do Saturn V do chão do Oceano Atlântico.

(Eles foram identificados positivamente como pertencendo ao estágio S-1C da missão Apollo 11 em julho de 2013).

_Bezos Center for Neural Circuit Dynamics no Princeton Neuroscience Institute – US $ 15 milhões.

_Bezos Family Foundation, uma instituição de caridade educacional.

(A fundação é relatada sendo financiada principalmente pelos pais de Bezos de suas participações na Amazon como investidores iniciais na empresa.

A fundação deu US $ 10 milhões em 2009 e US $ 20 milhões em 2010 para o Fred Hutchinson Cancer Research Center).

_Bezos também doou US $ 800.000 para o Worldreader, fundado por um ex-funcionário da Amazon.

Reconhecimento.

Em 1999, foi eleito pela revista Time a Pessoa do Ano.

Em 2008, ele foi selecionado pela US News & World Report como um dos melhores líderes dos Estados Unidos.

Bezos recebeu um doutorado honorário em Ciência e Tecnologia pela Universidade Carnegie Mellon em 2008.

Em fevereiro de 2018, Bezos foi eleito para a Academia Nacional de Engenharia para “liderança e inovação na exploração espacial, sistemas autônomos e construção de um caminho comercial para o voo espacial humano”.

Em 2011, The Economist deu a Bezos e Gregg Zehr um Prêmio de Inovação pelo Kindle da Amazon.

Em 2012, Bezos foi nomeado Businessperson of The Year by Fortune.

Ele também é membro do Grupo Bilderberg e participou da conferência de Bilderberg de 2011 em St. Moritz, Suíça, e da conferência de 2013 em Watford, Hertfordshire, Inglaterra.

Ele foi membro do Comitê Executivo do Conselho Empresarial entre 2011 e 2012.

Em 2014, ele foi classificado como CEO de melhor desempenho do mundo pela Harvard Business Review.

Ele também foi citado na revista Fortune na lista de 50 grandes líderes do mundo por três anos consecutivos, e ficou no topo da lista em 2015.

Em setembro 2016, Bezos foi agraciado com o Prêmio Heinlein para Advances in Space Comercialização, que lhe valeu $ 250.000.

O dinheiro do prêmio foi doado aos Estudantes pela Exploração e Desenvolvimento do Espaço pela Bezos.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Jeff Bezos - Riqueza.

Quando o foco é os 10 homens mais ricos do mundo, Bezos vem superando os outros bilionários de forma impressionante.

A poucos anos atrás ele nem aparecia entre os 10 homens mais ricos do mundo, más muito rapidamente assumiu o primeiro lugar.

Em janeiro de 2018, após a inauguração da primeira unidade da Amazon Go em Seattle, Jeff Bezos tornou-se o homem mais rico da história desde 1982, com uma fortuna de U$113 bilhões de dólares.

Em maio de 2016, Bezos vendeu mais de um milhão de ações de suas participações na empresa por US $ 671 milhões, tornando-se a maior quantidade de dinheiro que ele já havia levantado em uma venda de suas explorações da Amazon.

Em 4 de agosto de 2016, ele vendeu outro milhão de suas ações no valor de US $ 756,7 milhões.

A partir de 19 de junho de 2016, Bezos possuía 83,9 milhões de ações da Amazon, sendo 16,9% de todas as ações em circulação, com um valor de mercado de US $ 83,9 bilhões.

Em 19 de janeiro de 2018, a cotação das ações da Amazon subiu para US $ 1.300 por ação.

A esse preço, os 83,9 milhões de ações de Bezos valeriam um pouco mais de US $ 109 bilhões, embora Bezos tenha vendido suas ações para aumentar o dinheiro para outras empresas desde 2016, em particular a Blue Origin.

Em 2013, comprou o jornal The Washington Post por US$ 250 milhões em dinheiro.

A partir de outubro de 2017, Bezos tem sido a pessoa mais rica do mundo, de acordo com Forbes, superando o cofundador Bill Gates da Microsoft.

 

Ano / Bilhões

2008 / $ 8.2

2009 / $ 6.8

2010 / $ 12.6

2011  / $ 18.1

2012 / $ 23.2

2013 / $ 28.9

2014 / $ 30.5

2015 / $ 34.8

2016 / $ 53.2

2017 / $ 72.8

2018 / $ 112

2019 / $ 131

2020 / $ 176

Vida pessoal.

Em 1992, MacKenzie Tuttle trabalhou com Bezos na D.E Shaw, um fundo de coberturas da cidade de Nova York.

Eles se casaram em 1993, e mudaram-se para Seattle em 1994.

Bezos e sua esposa são pais de quatro filhos.

Divorciaram-se em 2019.

Bezos fez uma aparição no filme “Star Trek Beyond (Star Trek – Sem Fronteiras)”, no papel de um oficial alienígena da Frota Estelar, usando uma maquiagem pesada, que não permite reconhecê-lo de imediato.

De fato, ele fica irreconhecível por conta da maquiagem.

Jeff Bezos - Política.

Em 2012, a família Bezos doou US $ 2,5 milhões para uma campanha do estado de Washington para legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 2 - Bill Gates.

Bill Gates 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 117B

Idade: 64 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: Microsoft

Os 10 homens mais ricos do mundo - Bill Gates - Jornada.

Nome, William Henry Gates III, nasceu em Seattle em 28 de outubro de 1955, mais conhecido como Bill Gates.

Quando se trata dos 10 homens mais ricos do mundo, com certeza, um dos mais visionários por ter criado um dos produtos mais disruptivos é Bill Gates.  

Gates é um magnata, empresário, diretor executivo, investidor, filantropo e autor americano, que ficou conhecido por fundar junto com Paul Allen a Microsoft, a maior e mais conhecida empresa de software do mundo, em termos de valor de mercado.

Gates ocupa atualmente o cargo de presidente não-executivo da Microsoft, além de ser classificado regularmente como a pessoa mais rica do mundo, posição ocupada por ele de 1995 a 2007, 2009, e, de 2014 a 2017.

É um dos pioneiros na revolução do computador pessoal.

Infância e juventude.

Gates nasceu em uma família de classe média de Seattle.

Seu pai, William H. Gates, era advogado de grandes empresas, e sua mãe, Mary Maxwell Gates, foi professora da Universidade de Washington e diretora de bancos.

Bill Gates e as suas duas irmãs, Kristanne e Libby, frequentaram as melhores escolas particulares de sua cidade natal, e Bill também participou do Movimento Escoteiro ainda quando jovem.

Bill Gates, foi admitido na prestigiosa Universidade Harvard, (conseguindo 1590 SATs dos 1600 possíveis, mas abandonou os cursos de Matemática e Direito no terceiro ano para dedicar-se à Microsoft.

Trabalhou na Taito com o desenvolvimento de software básico para máquinas de jogos eletrônicos (fliperamas) até seus 16 anos.

Depois de fazer um teste nacional de matemática e tirar a maior nota do Estado (inclusive maior do que a dos alunos de séries superiores), Paul Allen (presidente do clube de computadores da escola) soube da façanha e o convidou para participar do clube.

Começou, então, uma amizade entre Bill e Allen, que futuramente também viria a ser sócio-fundador na Microsoft.

A Microsoft nasceu anos depois do início da amizade, quando Paul Allen alertou a Bill que o mercado de computadores estava ascendendo e que os dois precisavam participar dessa levada.

A partir daí, o negócio dos dois só cresceu e teve seu boom com o fechamento do contrato com a IBM.

Também trabalhou como pesquisador visitante na University of Massachusetts at Amherst, UMASS, Estados Unidos, quando com 17 anos, desenvolveu junto com Paul Allen um software para leitura de fitas magnéticas, com informações de tráfego de veículos, em um chip Intel 8008.

Com esse produto, Gates e Allen criaram uma empresa, a Traf-o-Data, porém os clientes desistiram do negócio quando descobriram a idade dos donos.

Bill Gates - Ascensão.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo Bill Gates também tem uma das histórias mais impressionantes.

Enquanto estudavam em Harvard, os jovens Gates e Allen desenvolveram um interpretador da linguagem BASIC para um dos primeiros computadores pessoais a serem lançado nos Estados Unidos – o Altair 8800.

Após um modesto sucesso na comercialização deste produto, Gates e Allen fundaram a Microsoft, uma das primeiras empresas no mundo focadas exclusivamente no mercado de programas para computadores pessoais ou PCs.

Gates adquiriu ao longo dos anos uma fama de visionário (apostou no mercado de software na época em que o hardware era considerado muito mais valioso) e, de negociador agressivo, chegando muitas vezes a ser acusado por concorrentes da Microsoft de utilizar práticas comerciais desleais.

O primeiro computador pessoal.

O primeiro “computador pessoal” foi o Kenbak-1, lançado em 1971.

Tinha 256 bytes de memória e foi anunciado na revista Scientific American por US$ 750.

Todavia, não possuía CPU e era, como outros sistemas desta época, projetado para uso educativo (ou seja, demonstrar como um “computador de verdade” funcionava).

Nos anos 1980, a IBM, líder no mercado de grandes computadores, resolveu entrar no mercado da microinformática com o PC, porém faltava o Sistema Operacional.

Para isso, fechou contrato com a recém-criada Microsoft, todavia, a Microsoft não possuía o software ainda.

O jovem Bill Gates foi a uma pequena empresa que havia desenvolvido o sistema para o processador da Intel e decidiu comprá-lo, pagou cerca de US$ 50 mil, personalizou o programa e vendeu-o por US$ 8 milhões, mantendo a licença do produto.

Este viria a ser o MS-DOS.

Microsoft.

Foi fundada em 1975 por Bill Gates, então com 19 anos, em parceria com Paul Allen.

O primeiro produto comercial da empresa foi o Altair BASIC para o MITS Altair (Micro Instrumentation Tlemetry System), produzido no mesmo ano.

Em 1980 a empresa deu um passo decisivo ao adquirir da Seattle Computer Products o sistema operativo 86-DOS.

Em 1998 Gates promoveu Steve Ballmer, um amigo de longa data, ao posto de presidente da Microsoft e publicamente passou a ter uma participação menos ativa nos processos decisórios da empresa.

Bill Gates anunciou em 16 de junho de 2006 que iria deixar progressivamente o cargo de diretor da Microsoft até 2008, para poder se ocupar da fundação de caridade Bill & Melinda Gates Foundation.

Em 27 de junho de 2008 Bill Gates retirou-se definitivamente da Microsoft para se dedicar inteiramente aos seus projetos filantrópicos.

Mesmo tendo anunciado a sua aposentadoria da Microsoft, na prática Bill Gates continuará dedicando 20% do seu tempo (um dia por semana) para assuntos relativos à Microsoft.

Ele continua a atuar como chairman da Microsoft e conselheiro no desenvolvimento de projetos-chave.

Ele somente não estará nas decisões do dia-a-dia e dedicará mais tempo e energia ao seu trabalho relacionado à saúde e educação na Fundação Bill & Melinda Gates.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Bill Gates - Fortuna.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo, Gates já está entre os 10 maiores a décadas.

Ele já liderava o ranking dos mais ricos do mundo desde 1995, segundo a revista Forbes.

Sua fortuna era estimada em US$ 130 bilhões.

Em 1999 Gates ultrapassou a marca dos US$ 100 bilhões, mas desde 2000 o valor nominal da Microsoft vem caindo após o estouro da internet, também, após várias doações multibilionárias feitas por Gates a projetos filantrópicos.

Em maio de 2006 Gates disse em uma entrevista que gostaria de não ser o homem mais rico do mundo, e que não gosta da atenção que trouxe.

Em 2 de junho de 2007 o mexicano Carlos Slim Helu, que aparecia no segundo lugar da lista assumiu o posto de homem mais rico do mundo.

Em 2008 a lista de bilionários da Forbes apontou Gates como o terceiro homem mais rico do mundo, com fortuna estimada em 58 bilhões de dólares.

Em 2009, mesmo vendo seu patrimônio ser reduzido em 18 bilhões de dólares, retomou a condição de homem mais rico do mundo, segundo a mesma revista, com uma fortuna de 40 bilhões de dólares.

Em 2010 a fortuna de Carlos Slim Helu volta a assumir o primeiro lugar da lista, deixando Bill Gates com a posição de segundo homem mais rico do mundo com uma fortuna estimada em 53 bilhões de dólares.

Em maio de 2013, Bill Gates voltou a ser o homem mais rico do mundo.

Em 2018, Gates é ultrapassado pelo fundador da Amazon, Jeff Bezos, sendo atualmente a 2° pessoa mais rica do mundo.

Em julho de 2020 foi classificado pela Bloomberg como a segunda pessoa mais rica do mundo com uma fortuna estimada em US $ 117 bilhões.

Filantropia.

Quando se trata dos 10 homens mais ricos do mundo, com certeza Bill Gates é o mais generoso de todos, inclusive por convencer outros bilionários a, também, doarem parte de suas fortunas.

Em 2000, junto com sua esposa Melinda, Gates criou a Fundação Bill e Melinda Gates, uma organização filantrópica que tem por principais objetivos promover a pesquisa sobre a AIDS e outras doenças que atingem, em maior parte, os países em desenvolvimento.

Também tem como objetivo pesquisar novos tipos de energias sustentáveis e limpas.

Em 2006, Warren Buffett, então o segundo homem mais rico do mundo, integrou o projeto, anunciando seu plano de contribuir com 10 milhões de ações de classe B da companhia Berkshire Hathaway (US$ 30 bilhões aproximadamente), fazendo com que a fundação dobrasse de tamanho.

Segundo um artigo de 2004 da revista Forbes, Gates já doou cerca de 30 bilhões de dólares para a caridade desde o ano de 2000.

Bill Gates - Reconhecimento.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo, Gates se destaca pela grande quantidade de reconhecimentos que teve.

A revista Time descreveu Bill Gates como uma das 100 Pessoas mais Importantes do Século, também, entrou para a lista da, Time 100, três vezes consecutivas em 2004, 2005 e 2006.

A revista também inclui Gates e sua esposa, Melinda, como Pessoa do Ano, por suas atividades filantrópicas.

Em 1998, Bill Gates foi votado como a 1ª de 50 celebridades mais importantes da história.

Em 1999, Gates entrou para a The Sunday Times como a pessoa mais poderosa dos nossos tempos.

E novamente em 2006, Gates foi eleito o 8° herói contemporâneo.

Gates recebeu status de honoris causa das seguintes universidades:

_Nijenrode (2000);

_Real Instituto de Tecnologia (2002);

_Universidade de Waseda (2005);

_Universidade de Tsinghua (2007);

_Universidade Harvard (2007);

_Instituto Karolinska (2008);

_Universidade de Cambridge (2009);

_Títulos honoríficos.

Gates também foi condecorado por duas ordens de cavalaria.

A Ordem do Império Britânico, em 2005, e a Ordem da Águia Asteca em 2006.

Foi, também, em 2006, condecorado, em Portugal, pelo Presidente Jorge Sampaio, com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique, pelo apoio a países da Lusofonia.

Como, por exemplo, o combate à malária em Moçambique, à doença do sono em Angola, pela ajuda ao plano nacional de combate à Sida no Brasil, e ainda pela doação feita em 1999 ao Fundo Internacional de Resgate que serviu como apoio de saúde a refugiados, entre os quais os provenientes de Timor-Leste que se viram deslocados após o referendo de 1999.

Religião.

Em entrevista à revista Rolling Stone, em 2014, ao ser questionado sobre a importância da religião, Bill Gates afirmou:

“Educamos nossos filhos de forma religiosa, eles frequentaram a Igreja Católica, de que Melinda e eu participamos. Temos tido muita sorte, e devemos aproveitá-la para tentar reduzir a desigualdade do mundo. É um tipo de crença religiosa, ao menos no sentido moral.”

Perguntado sobre a crença em Deus, Bill Gates afirmou que faz sentido crer, embora afirme que isso não sabe até que ponto impacta nas decisões a serem feitas na vida de cada um:

“Hoje a ciência ocupa lugares que antes eram ocupados pela religião, mas a beleza do mundo é impressionante, e não há explicação científica sobre como se tornou assim.”

Bill Gates - Investimentos.

Bill Gates tem planejado novos investimentos que irão impulsionar a Microsoft.

Entre os planos já confirmados previstos estão:

_Cascade Investment, já de propriedade da Família Gates;

_bgC3, fundada por ele;

_Corbis, empresa que atua no ramo de direitos de imagem.

Livros.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Bill Gates também se destaca por ser um dos que tem mais livros publicados, entre eles:

_The Road Ahead;

_Business @ the Speed of Thought;

_O estilo Bill Gates de gerir – As 10 lições do homem que revolucionou a tecnologia – Editora Gente (www.editoragente.com.br) – ISBN 978-85-7312-564-1;

_O Mundo Segundo Bill Gates, Autor: Lisa Rogak, Editora Elsevier/Campus (www.elsevier.com.br);

_Bill Gates, Autor: David Marshall, Editora: BLACKBIRCH PR INC;

_Os Heróis da Revolução – Como Steve Jobs, Steve Wozniak, Bill Gates, Mark Zuckerberg Mudaram Para Se, Autor: Steven Levy, Editora Évora;

_Bill Gates – Autor: Jonathan Gatlin/Jonathan Galin, Editora Harpercollins Usa

_Impatient Optimist – Bill Gates In His Own – Autor: Lisa WordsRogak, Editora: Agate Publishing;

_O Mundo Segundo Bill Gates – Autor: Lisa Rogak, Editora: Elsevier (www.elsevier.com.br – Edição Digital);

_Bill Gates, Autor: Jeanne M. Lesinski, Editora LERNER PUB GROUP;

_Business @ the Speed of Thought Bill Gates, Autor Collins Hemingway, Editora: TIME WARNER BOOK GROUP.

Bill Gates - Séries.

Em 2019, o streaming Netflix lançou a série, O Código Bill Gates, em que entrevista Gates e Melinda, debatem sobre os desafios do casal com filantropia, e refletem a vida de Bill.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 3 -Bernard Arnault.

Bernard Arnault 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 94.1B

Idade: 70 anos

País de origem: França

Empresa: LVMH (Louis Vuitton Moët Hennessy)

Os 10 homens mais ricos do mundo - Bernard Arnault – Jornada.

Nome, Bernard Jean Étienne Arnault, nascido em Roubaix, em 5 de março de 1949, empresário francês.

Quando o foco é os 10 homens mais ricos do mundo, Bernard Arnault chama a atenção pelo nicho no qual fez fortuna, que é o mercado de artigos de luxo.

Arnault é o atual presidente e diretor executivo da LVMH, (Louis Vuitton Moët Hennessy) a maior empresa de artigos de luxo do mundo.

É o Homem mais rico da Europa, e controla um grupo de mais de 70 marcas famosas como Dior, Givanchy, Sephora, que juntas geram um faturamento anual de aproximadamente US$ 53 bilhões.

Diferentemente de Bezos e Gates, que vinham de famílias comuns, Arnault é herdeiro de um magnata da construção civil francesa.

Juventude e estudos.

Arnault nasceu no seio de uma família de pequenos industriais.

Na infância foi criado pela avó, que era a principal acionista das empresas da família.

Dividiu os estudos secundários entre a sua terra natal, Roubaix, e Lille e ingressou posteriormente na Escola Politécnica.

Bernard Arnault - Início na carreira e o crescimento.

Ao encerrar os estudos, ingressou na função pública em Paris e optou pela carreira como engenheiro iniciando-a na empresa Ferret-Savinel.

Teve uma ascensão notória na empresa, onde foi promovido a diretor de construção aos 25 anos.

Três anos depois tornou-se diretor-geral da empresa, e em 1978, aos 29 anos, chegou à presidência.

Fora do país.

Em 1981, assustado com a chegada da esquerda, comunista, ao poder na França, resolveu ir viver nos Estados Unidos, onde não teve muita sorte nos negócios.

Bernard Arnault - Como um empresário.

Começou a tratar do regresso à França e a reentrada no mundo dos negócios foi feita através da Boussac, empresa do norte do país que operava na área dos têxteis e que detinha também a posse da conhecida Dior.

Assim, em 1984 fez a sua primeira grande aquisição de empresas.

Naquele ano, assumiu a presidência da direção-geral das empresas Financière Agache S.A. e Dior.

Tratou de reorganizar o grupo Financière Agache apostando numa estratégia de desenvolvimento assentado nas marcas de prestígio.

Nesse sentido, a Christian Dior foi a marca escolhida para dar visão a esta estratégia.

Lançou, então, uma marca própria de alta-costura com a ajuda do estilista Christian Lacroix.

Diversificação do ramo de atividades.

Nos anos seguintes, adquiriu também os champanhes Moët e Krug e a casa Hennessy, de conhaques.

Em julho de 2008, a revista Forbes colocou-o como o maior acionista do Carrefour.

Bernard Arnault - Na liderança empresarial.

Em 1989, tornou-se o principal acionista do grupo LVMH (Louis Vuitton Moët Hennessy).

Como o seu presidente, criou o primeiro grupo mundial do setor do luxo.

Posteriormente, o empresário tornou-se também o presidente do conselho de administração do Grupo Arnault S.A. e da Companhia Financeira do Norte, e através das suas holdings familiares fez diversos investimentos internacionais.

Bernard Arnault - Patrimônio pessoal.

Em julho de 2020, a Bloomberg classificou-o como a terceira pessoa mais rica do mundo com US$ 94 bilhões.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 4 - Mark Zuckerberg.

Mark Zuckerberg 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 91,9B

Idade: 35 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: Facebook

Os 10 homens mais ricos do mundo - Mark Zuckerberg - Jornada.

Nome Mark Elliot Zuckerberg, nasceu em White Plains, em 14 de maio de 1984.

Quando falamos dos homens mais ricos do mundo, com certeza Mark Zuckerberg é um dos mais famosos, justamente por ser dono da maior plataforma de interação social do mundo o Facebook.

Mark é programador e empresário norte-americano, que ficou conhecido internacionalmente por ser um dos fundadores do Facebook, a rede social mais acessada do mundo.

Junto aos seus colegas da faculdade da Universidade de Harvard, os estudantes Eduardo Saverin, Andrew McCollum, Dustin Moskovitz e Chris Hughes, lançou o Facebook em 2004.

O Facebook expandiu-se rapidamente, com um bilhão de usuários até 2012.

Zuckerberg foi envolvido em várias disputas legais que foram iniciadas por outros no grupo, que reivindicaram participação na empresa, alegando terem participado durante a fase de desenvolvimento do Facebook.

Em dezembro de 2012, Zuckerberg e sua esposa Priscilla Chan anunciaram que dariam a maior parte de sua riqueza ao longo de suas vidas para “fazer avançar o potencial humano e promover a igualdade” no espírito de The Giving Pledge.

Em 01 de dezembro de 2015, eles anunciaram que dariam 99% de suas ações do Facebook (no valor de cerca de 45 bilhões de dólares na época) para a Iniciativa Zuckerberg Chan.

Desde 2010, a revista Time nomeou Zuckerberg entre as 100 pessoas mais ricas e influentes do mundo, também, foi nomeado pela revista como a Pessoa do Ano.

Em março de 2011, a revista Forbes colocou Zuckerberg na 36ª posição da lista das pessoas mais ricas do mundo, com uma fortuna estimada em $ 17.5 bilhões de dólares.

Em junho de 2015, sua fortuna já estava avaliada em $ 38.4 bilhões de dólares, em 2016 seu patrimônio líquido foi estimado em $ 51,8 bilhões de dólares.

Em dezembro de 2016, Zuckerberg ficou em 10º lugar na lista da Forbes das pessoas mais poderosas do mundo.

Vida pessoal.

Mark Elliot Zuckerberg nasceu em White Plains, Condado de Westchester, no estado de Nova York, filho de Kristen, uma psiquiatra, e de Edward, um dentista.

Mark foi criado em Dobbs Ferry, Condado de Westchester no Estado de Nova York, assim como suas três irmãs, Randi, Donna e Arielle.

Zuckerberg tem origem judaica, tendo seu bar mitzvah, quando completou 13 anos, embora ele já tenha declarado ser ateu.

Em 2016, ao ser questionado se permanecia descrente, ele respondeu:

“Não. Fui criado como judeu e depois passei por um período em que questionei as coisas, mas agora acredito que a religião é muito importante.”

Na faculdade, ele era conhecido por recitar versos de poemas épicos como a Ilíada.

Em uma festa promovida por sua fraternidade durante seu segundo ano na Universidade Harvard, Zuckerberg conheceu a estudante de medicina Priscilla Chan, sua atual esposa.

Zuckerberg e Chan se casaram em 19 de maio de 2012, um dia após a entrada do Facebook na bolsa de valores Nasdaq.

Em sua página no Facebook, Zuckerberg listou os seus interesses pessoais como:

“Fazendo coisas que ajudam as pessoas a se conectarem, e compartilharem o que é importante para elas, as revoluções, o fluxo de informações, o minimalismo.”

Zuckerberg enxerga a cor azul melhor, por causa do daltonismo, vermelho-verde, azul também é a cor dominante do Facebook.

Em 2011, uma brecha de segurança do Facebook permitiu que vazassem na Internet fotos que ele configurou como sendo privadas.

Mark Zuckerberg - Desenvolvedor de software.

Quando se trata dos 10 homens mais ricos do mundo, uma característica que se destaca entre eles é a genialidade, e entre os que utilizam as ferramentas tecnológicas, Zuckerberg é um dos que se destacam.

Zuckerberg começou a usar computadores e a escrever softwares ainda adolescente no ensino médio.

Seu pai lhe ensinou, Atari, Programação Básica em 1990 e, posteriormente, contratou o desenvolvedor de software David Newman para lhe dar aulas particulares.

Newman não hesitava em chamá-lo de “prodígio”, acrescentando que era “duro para ficar à frente dele”.

Zuckerberg também fez um curso de pós-graduação sobre o assunto, no Mercy College perto de sua casa, enquanto ele ainda estava no colégio.

Ele gostava de criar programas de computador, especialmente as ferramentas de comunicação e jogos.

Em um desses programas que criou, surgiu o “ZuckNet”, a qual permitia que todos os computadores entre sua casa, e o consultório odontológico do seu pai, pudessem se comunicar usando um, ping, para o outro, no que pode ser considerado uma versão simplificada do AOL Instant Messenger, que foi lançado no ano seguinte.

Algumas crianças brincavam com jogos de computador que Mark criou. Zuckerberg recorda esse período:

“Eu tinha um monte de amigos que eram artistas. Eles desenhavam coisas, e eu criava os jogos depois.”

Durante alguns anos, Zuckerberg, trabalhou em uma empresa chamada Intelligent Media Group, onde ele construiu um leitor de música chamado “Synapse Media Player” que usa inteligência artificial para aprender hábitos de escuta do usuário, que foi postada no Slashdot, e recebeu a classificação de 3 de 5 da PC Magazine.

A Microsoft e AOL tentaram comprar o Synapse e contratar Zuckerberg, porém ele preferiu se matricular na Universidade Harvard em setembro de 2002.

Universidade Harvard.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo, outra característica importante entre eles, é a grande importância que dão aos estudos, e nesse aspecto, Zuckerberg também se destacam.

Até ele começar a ter aulas em Harvard, ele já tinha conseguido a reputação de um prodígio de programação.

Mark estudou psicologia e Ciência da Computação e era membro da Alpha Epsilon Pi, uma fraternidade judaica.

Em seu segundo ano, ele escreveu um programa chamado CourseMatch, que permitia que os usuários jogassem Atari Asteroids 1968 entre si, sem conexões, cabos ou internet, o que acabava também por ajudá-los a formar grupos de estudo.

Pouco tempo depois, ele criou um programa bem diferente, inicialmente chamado Facemash que permitia que os alunos escolhessem entre duas garotas, qual seria a mais bonita(“sexy”).

De acordo com o colega de Zuckerberg, Arie Hasit, ele construiu o site para se divertir.

E, após uma série de eventos nebulosos, criou o que hoje é conhecida como a maior plataforma de interação e mídia social do mundo, o Facebook.

Mark Zuckerberg - Filantropia.

Zuckerberg doou uma quantia não revelada à Diaspora, um servidor pessoal da web de código-fonte aberto que implementa um serviço de rede social distribuída. Ele chamou de “uma ideia legal”.

Zuckerberg fundou a Start-up: fundação da Educação.

Em 22 de setembro de 2010, foi relatado que Zuckerberg havia doado 100 milhões de dólares para a Newark Public Schools, o sistema de escolas públicas de Newark, Condado de Essex no estado de Nova Jersey.

Os críticos notaram que o momento da doação seria próximo do lançamento do filme “A Rede Social”, que deu uma imagem um tanto, negativa, para Zuckerberg, dividindo o público entre os que concordavam com sua atitude, e, os que o condenavam.

Chegaram a considerar a hipótese de ele sofrer algum grau de Síndrome de Asperger.

Zuckerberg respondeu às críticas, dizendo:

“A única coisa que eu fiz foi ser mais sensível sobre a hora do filme, eu não queria que a imprensa fizesse confusão entre o filme “A Rede Social” com o projeto de Newark. Eu estava pensando em fazer isso anonimamente, apenas para que as duas coisas pudessem ser mantidas separadas.”

O prefeito de Newark Cory Booker afirmou que ele, e o governador de Nova Jersey, Chris Christie, tiveram que convencer a equipe de Zuckerberg a não fazer a doação anonimamente.

Em 8 de dezembro de 2010, Zuckerberg declarou que havia se tornado um dos signatários do The Giving Pledge, iniciativa criada por Bill Gates e Warren Buffett.

No dia 1 de dezembro de 2015, logo após o nascimento de sua filha Max, Zuckerberg surpreendeu o mundo, ao anunciar que doará ao longo de sua vida, 99% do valor das ações do Facebook (atualmente calculadas em US$ 45 bilhões) para a caridade.

O criador do Facebook e sua esposa, Priscilla Chan, justificaram a decisão, alegando que vão lutar por um mundo melhor, não só para sua filha, mas para toda uma geração futura.

Filmes.

A Rede Social.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Mark é o que tem seu sucesso atrelado a uma grande polêmica.

Isso porque algumas pessoas alegam que ele criou o Facebook com base em uma cópia de outro projeto.

O filme “A Rede Social”, que foi lançado em 01 de outubro de 2010, é baseado na história de Mark e os fundadores do Facebook.

Nesse filme Mark foi interpretado pelo ator Jesse Eisenberg que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de melhor ator.

O filme deu uma imagem um tanto, negativa, para Zuckerberg, dividindo o público entre os que concordavam com sua atitude e os que o condenavam.

Após ganhar o Globo de Ouro de Melhor Filme em 16 de janeiro de 2011, o produtor Scott Rudin agradeceu o Facebook e Zuckerberg “pela sua disponibilidade para nos permitir usar sua vida e obra como uma metáfora através da qual puderam contar a história sobre a comunicação e a forma como se relacionam entre si”.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 5 - Steve Ballmer.

Steve Ballmer 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 73.2B

Idade: 63 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: Ex-CEO da Microsoft

Os 10 homens mais ricos do mundo - Steve Ballmer – Jornada.

Nome, Steven Anthony Ballmer, ou simplesmente “Steve” Ballmer, nascido em Detroit, no dia 24 de março de 1956.

Formado em economia e matemática por Harvard, conheceu Bill Gates na universidade, foi presidente executivo da Microsoft, de 21 de julho de 1998, até ser substituído por Satya Nadella em 2014, e é amigo de seu fundador, Bill Gates.

Carreira.

Ballmer iniciou as suas funções na Microsoft em 1979, tendo sido o primeiro diretor administrativo a ser contratado por Bill Gates. Desde então, a capacidade de liderança, e o empenho absoluto de Ballmer, passaram a constituir a imagem de marca da sua presença na empresa.

Nos últimos 20 anos, Ballmer presidiu a várias divisões da Microsoft, incluindo os departamentos de operações, desenvolvimento de sistemas operacionais, vendas e suporte.

Em julho de 1998, foi promovido a Presidente, um cargo que conferiu uma responsabilidade diária na gestão da Microsoft.

Nomeado Presidente do Conselho de Administração em janeiro de 2000, assumiu a responsabilidade pela gestão global da empresa, o que inclui cumprir as metas traçadas na missão da empresa cujo objetivo passa por viabilizar a concretização de todo o potencial de pessoas e empresas à escala mundial.

Em conjunto com Bill Gates e restantes chefias técnicas e empresariais da empresa, Steve Ballmer está empenhado em dar continuidade aos esforços de inovação e liderança da Microsoft nos sete ramos de atividade que compõem a empresa.

O objetivo fundamental da Microsoft consiste em fornecer uma plataforma integrada que possibilite a utilização sem dificuldades de uma vasta gama de serviços e dispositivos informáticos e para outros fins.

Em 2012 a Revista Forbes classificou Steve Ballmer como a 44° pessoa mais rica do mundo, com 15,7 bilhões de dólares.

No dia 23 de agosto de 2013, ele anuncia sua aposentadoria da empresa.

Em 4 de fevereiro de 2014, Steve Ballmer deixa o cargo de presidente da Microsoft e é substituído por Satya Nadella.

Atualmente Steve Ballmer é o maior acionista da Microsoft.

Em 12 de Agosto de 2014, Ballmer comprou a franquia da NBA Los Angeles Clippers.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 6 - Warren Buffett.

Warren Buffett 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 72.2B

Idade: 89 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: Berkshire Hathaway

Os 10 homens mais ricos do mundo - Warren Buffett - Jornada.

Nome, Warren Edward Buffett, nascido em Omaha, 30 de agosto de 1930, é um investidor e filantropo americano.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo Warren Buffett se destaca, e é o mais conhecido, por seu grande desempenho como investidor.

Warren Buffett é o principal acionista, presidente do conselho, e diretor executivo da Berkshire Hathaway.

Constantemente citado na lista da Forbes como sendo uma das pessoas com maior capital do mundo, ocupou o primeiro lugar em 2008.

Amplamente considerado o mais bem sucedido investidor do século XX, e do mundo, é conhecido como o “Oráculo de Omaha”.

Em 2010, Gates e o investidor Warren Buffett começaram a recrutar bilionários para que firmassem compromisso de doar, ao menos, metade de seu patrimônio para a caridade, seja durante sua vida, seja em seus testamentos, na iniciativa conhecida como “Giving Pledge” (promessa de doação).

Biografia.

O segundo de três filhos e único filho homem de Leila (née Stahl) com Howard Buffett. Seu pai foi um corretor da bolsa e membro do Congresso dos Estados Unidos.

Warren Buffett tem duas irmãs, Doris e Bertie.

Seu avô era dono de uma loja de produtos alimentícios em Omaha.

Buffett começou sua educação na Escola Elementar Rose Hill em Omaha.

Em 1942 seu pai foi eleito para o Congresso e após mudar-se com sua família para Washington, Warren acabou o primário e foi para a Escola Alice Deal Junior e graduou-se na Escola Woodrow Wilson.

Desde criança Warren demonstrou interesse por fazer e guardar dinheiro.

Ele ia, de porta em porta vender, balas, Coca-Cola, ou revistas semanais, também trabalhou na loja de doces de seu avô paterno.

Ainda no ensino médio, ele era dono de várias ideias bem sucedidas para ganhar dinheiro, tais como: vender bolas de golfe remanufaturadas e customizar carros.

Em 1945 ele e um amigo da escola gastaram $25 para comprar uma máquina de pinball, colocando-a em uma barbearia local.

Após algum tempo, eles eram donos de dezenas de máquinas em diferentes lojas.

Os interesses em investir na bolsa de valores vieram desde a infância.

Em uma viagem a Nova Iorque, aos dez anos, ele fez questão de visitar o New York Stock Exchange.

E nesse mesmo período, ele comprou ações para ele e sua irmã.

Na época do ensino médio, ele já acumulara uma considerável quantia guardada, investiu em uma empresa de seu pai e comprou uma fazenda, trabalhando em gerar renda.

No período em que terminou o colégio, Buffett já acumulava mais de US$90.000.

Iniciou sua vida acadêmica universitária dentro da Universidade de Pensilvânia, em 1947, onde participava de uma fraternidade chamada Alpha Phi Alpha.

Dois anos depois, ele se transferiu para a Universidade Nebraska-Lincoln, onde em 1950, aos dezenove anos, ele terminou seu curso, tornando-se um Bacharel em Administração.

Buffett ingressou na Escola de Negócios Columbia após aprender com Benjamin Graham e David Dodd, dois conhecidos analistas econômicos, autores dos livros “Security Analyses” e “O Investidor Inteligente”.

Ele recebeu a graduação de Mestre em Economia em 1951.

Buffett também tem graduação pelo Instituto de Finanças de Nova Iorque.

Benjamin Graham, como diz Buffett, depois de seu pai, foi a pessoa que mais exerceu influência em sua vida.

Isso porque a abordagem de investimentos usada por Buffett é baseada em Graham.

Buffett gosta de comprar ações de empresas que estavam sendo negociadas abaixo de seu valor intrínseco (valor real de uma ação).

Além de Graham, Fisher foi outro investidor que influenciou as abordagens de Buffett.

Para Fisher, comprar uma empresa barata não era tudo. Fisher acreditava que os investidores deviam comprar papéis de grandes empresas. Empresas líderes no setor, com alguma vantagem competitiva durável.

Nas palavras de Buffett: “Eu sou 15% Fisher e 85% Benjamin Graham”.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Warren Buffett - Carreira.

Quando falamos sobre a vida dos 10 homens mais ricos do mundo, muitas vezes pensamos que eles já iniciaram suas vidas já muito ricos, e como empresários, más, na realidade, o início da vida de alguns desses personagens foi muito comum, como foi a de Buffett por exemplo, que também já foi empregado!

Buffett já trabalhou como empregado nas seguintes empresas:

De 1951-54 na Buffett-Falk e Co. como vendedor.

De 1954-56 no Graham-Newman Corp. como Analísta.

De 1956-1969 no Buffett Partnership, Ltd. como Sócio.

E de 1970 até o presente é o Diretor da Berkshire Hathaway Inc.

Em 1952 Buffett casou-se com Susan Thompson, e no ano seguinte tiveram sua primeira filha: Susan Alice Buffett.

Em 1954 ele aceitou trabalho como parceiro de Benjamin Graham.

Seu salário inicial foi de 12 000 dólares por ano (aproximadamente $ 97.000,00, ajustado no dólar atual). Lá, ele trabalhou com Walter Schloss.

Graham ensinou a ele como um homem deve trabalhar.

Nesse mesmo ano teve seu segundo filho: Howard Graham Buffett.

Em 1956 Benjamin Graham retirou sua parceria, nesse momento, a poupança pessoal de Buffett estava com mais de US $ 174 mil então ele iniciou a, Buffett Partnership Ltd., uma empresa de investimentos situada em Omaha.

Em 1957, Buffett contava com três sócios operando com ele.

Nesse período ele comprou uma casa de cinco quartos em Omaha, pelo preço de US $ 31.500, casa onde ele ainda reside.

Em 1958 nasce seu terceiro filho: Peter Andrew Buffett.

Nesse mesmo ano Buffett já tinha cinco sócios.

Em 1959 sua companhia contava com seis sócios e Buffett introduziu Charlie Munger.

Em 1960 Buffett operava com sete negócios:

_Buffett Associates, Buffett Fund, Dacee, Emdee, Glenoff, Mo-Buff e Underwood.

Ele pediu para um dos sócios, um médico, encontrar outros dez médicos para investir US $ 10 mil cada.

Nesta ocasião onze novos sócios aderiram à sua companhia.

Em 1962 Buffett tornou-se milionário, por causa de seus sócios, que em janeiro de 1962 acumularam US $ 7.178.500, do qual US $ 1.025.000 eram de Buffett.

Nesse período, Buffett transformou todos os seus negócios em um só, e então tomou o controle da empresa têxtil Berkshire Hathaway.

Nomeou um novo presidente para a empresa, Ken Chace.

Em uma carta, Buffett anunciou seu primeiro investimento em uma empresa privada – Hochschild, Kohn e Co., uma loja de departamento em Baltimore, em 1967.

Em 1969, após seu ano de maior sucesso, Buffett liquida a parceria e transfere seus bens para seus sócios.

Entre os bens, foram pagos em ações da Berkshire Hathaway.

Em 1970, como presidente da Berkshire Hathaway, Buffett começou a escrever sua famosa carta anual aos acionistas.

Em 2007, em uma carta aos acionistas, Buffett anunciou que estava procurando por um jovem sucessor para tomar conta de seus negócios.

Buffett provisoriamente elegeu Lou Simpson.

Entretanto, Simpson é apenas seis anos mais novo que Buffett.

Em 2008, tornou-se o homem mais rico do mundo, passando na frente de Bill Gates, com uma fortuna estimada em US $ 60 bilhões.

No ano seguinte, Buffett foi o segundo homem mais rico, sendo que Bill Gates voltou à primeira posição.

Aquisições.

Em 1973, Berkshire começou a adquirir ações da Washington Post Company.

Buffett tornou-se amigo de Katharine Graham, que controlava a empresa e seu jornal, e tornou-se um membro do conselho administrativo.

Em 1977, a Berkshire adquiriu, indiretamente, o Buffalo Evening News por US $ 32.5 milhões.

Em 1979, Berkshire começou a adquirir ações da ABC.

Em 1987, Berkshire adquiriu 12% da Salomon Inc., fazendo de Buffett o maior acionista e diretor.

Em 1988, Buffett começou a comprar ações da Coca-Cola Company obtendo então 7% da companhia por US $ 1,02 bilhão, tornando-se esse, o mais lucrativo investimento da Berkshire.

Em 1998, ele adquiriu a General Re, e em 2009 adquiriu o Burlington Northern Santa Fe Corp. por US $ 34 bilhões, e investiu US $ 2.5 bilhões na Swiss Re, tendo direito a 20% da empresa.

Outros investimentos da Berkshire Hathaway foram American Express, Gillette, Walt Disney, e Precision Cast Parts Corp.

Warren Buffett - Vida pessoal.

Buffett casou-se com Susan Buffett Thompson em 1952 e tiveram três filhos: “Susie”, “Howie” e Peter.

O casal passou a viver separado em 1977 e continuaram assim até 2004 (ano da morte de Susan).

Em 2006, Buffett casou-se com sua colega de companhia Astrid Menks.

Seu salário anual é de US $ 100 mil, sendo um salário pequeno, comparado aos salários de outros executivos.

Ele vive na mesma casa, desde 1958, que comprou por US $ 31.500 (hoje vale mais de US $ 700 mil).

Buffett era presbiteriano, más, se autodescreve como agnóstico.

O investidor não usa celular, não tem um computador em sua mesa, e dirige seu próprio automóvel, um Cadillac DTS.

Em 17 de abril de 2012, Buffett revelou que foi diagnosticado com câncer de próstata, no dia 11 do mesmo mês.

Filantropia.

Em 2006, Buffett anunciou que 85% da Berkshire iria para cinco fundações diferentes, sendo que a maior contribuição (83%) vai para a Fundação Bill e Melinda Gates.

Ou seja, 10 milhões de ações (aproximadamente US $ 30.7 bilhões), fazendo dessa a maior doação da história, transformando Buffett em um dos maiores filantropos do capitalismo.

Outra parte de sua fortuna irá para sua própria fundação, a Fundação Buffett.

A herança de sua mulher, avaliada em US $ 2.6 bilhões, foi para a fundação quando ela morreu, em 2004.

Em 2002 ele doou US $ 50 milhões para a Iniciativa de Ameaça Nuclear de Washington, tornando-se um conselheiro.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Warren Buffett - Sobre sua fortuna.

O desempenho de seus negócios espelha seu enorme talento para multiplicar dinheiro, dele e dos outros.

Em 1965, quando assumiu o controle da Berkshire Hathaway, então uma firma de origem no setor têxtil, más, que também vendia seguros, as ações da companhia eram negociadas a menos de $ 10 dólares cada uma.

Hoje, 1 única ação, custa quase $ 100 mil dólares, uma assombrosa valorização de 1.000.000% em quarenta anos.

Quem tivesse aplicado $ 100 dólares na firma de Buffett, em 1965, teria hoje $ 1 milhão de dólares.

Os mesmos $ 100 dólares, aplicados na média do Dow Jones, equivaleriam a praticamente $ 1.500 dólares.

Em 2012, a Revista Forbes classificou Warren como a terceira pessoa mais rica do mundo, com US$ 44 bilhões.

Em 2013 foi reportado ter ganho cerca de US$ 37 milhões de dólares por dia, tendo sido a pessoa que mais fez dinheiro no mundo nesse ano.

O resultado, divulgado no dia 18 de dezembro de 2013, foi obtido por um levantamento pela Wealth-X, empresa especializada em reunir informações sobre as pessoas mais ricas do mundo.

No total, Buffett somou US$ 12,7 bilhões (cerca de R$ 67 bilhões de reais em 2020) à sua fortuna, elevando-a para um valor total estimado de US$ 72.2 bilhões (cerca de R$ 382 bilhões de reais em 2020).

Brasil.

No dia 29 de fevereiro de 2008, Buffett anunciou em sua carta aos acionistas da Berkshire Hathaway, o seu único investimento em moeda estrangeira para o ano de 2007.

E para espanto de todos, o investimento que vinha fazendo desde 2002, era na moeda brasileira (real) frente ao dólar.

Somente em 2007, o dólar recuou 17,3% em relação ao real.

Com esse investimento Warren conseguiu um lucro de US $ 2,3 bilhões.

E se você tem interesse em aumentar seus conhecimentos sobre investimentos, você não pode deixar de conhecer o curso mais completo e inovador existente no mercado brasileiro.

Trata-se do curso: Aprenda Como Investir Em Ações

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 7 - Larry Page.

Larry Page 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 71.8B

Idade: 46 anos

País de origem: Estados Unidos

Empresa: CEO da Alphabet

Os 10 homens mais ricos do mundo - Larry Page - Jornada.

Nome, Lawrence Edward Page, mais conhecido como “Larry”, nascido em Lansing, em 26 de março de 1973.

Quando o tema é os 10 homens mais ricos do mundo, Larry Page se destaca por ter sido o criador do que é considerado por muitos como a ferramenta de conhecimento mais revolucionária da história.

Trata-se do maior motor de buscas do mundo, o Google.

Após a consolidação do Google como empresa, Larry Page foi nomeado como o primeiro diretor executivo.

Em 2011 era considerado uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time.

Biografia.

Larry é de origem judaica, seu pai é judeu, seu avô materno mais tarde fez Aliá a Israel.

No entanto, ele declara não seguir nenhuma religião formalmente.

Larry é filho de um cientista da computação da Universidade Estadual de Michigan, Dr. Carl Victor Page, e de Gloria Page.

Sua paixão por computadores começou cedo, aos seis anos.

Desde então todos seus estudos foram direcionados a essa área.

Frequentou a East Lansing High School, e seguindo os passos do pai, se formou na Universidade de Michigan em Engenharia da Computação.

Em uma visita à Stanford, com um grupo que desejava fazer doutorado na instituição, conheceu Sergey Brin, que viria a ser seu amigo e sócio na fundação da Google.

Dentro de um mesmo grupo de pesquisa, o “Stanford Digital Library Project”, Larry decidiu que seria interessante estudar a estrutura da web para seu projeto de doutorado, logo Brin se interessou pelo projeto e começou a ajudá-lo.

Eles perceberam que as páginas dos sites eram cheias de links e começaram a catalogar esses caminhos.

Em 1996, esta pesquisa acadêmica se transformou em um buscador chamado “BackRub”.

Outros mecanismos de pesquisa já existiam, mas nenhum deles usava o algoritmo (Pagerank) que procurava por links e categorizava os sites por relevância.

Durante seu doutorado na Universidade de Stanford juntou-se a Sergey Brin, e juntos desenvolveram e fundaram o Google em 1998 deixando a Universidade de Stanford.

Nos anos seguintes, a empresa cresceu tanto que os fundadores decidiram criar uma holding que agregaria todas as marcas ligadas à Google.

Em 2015, desenvolveu a holding Alphabet Inc., juntamente com Sergey Brin.

O projeto é focado em fazer que a Google possa se expandir sem ter de sempre utilizar o nome “Google”.

Ao deixar o cargo de CEO do Google em 10 de agosto de 2015, Sundar Pichai passa a assumir o comando da empresa, e Larry passou a controlar a Alphabet.

Em 2019 anunciou que irá ceder o cargo de CEO da Alphabet também a Sundar Pichai a partir de janeiro de 2020.

Atualmente, Larry Page é CEO da Alphabet, e Sergey é o diretor.

Larry é um membro do comitê da consulta nacional (NAC) para a Universidade de Engenharia de Michigan.

Foi reconhecido como o inovador do ano pela revista Research and Development Magazine.

E foi eleito membro da Academia Nacional de Engenharia dos Estados Unidos.

Em 2002 foi nomeado Líder Global para o Amanhã pelo Fórum Econômico Mundial.

Segundo a revista Forbes, em 2005, com apenas 32 anos, Larry Page já tinha uma riqueza estimada em $ 10,2 bilhões de dólares, tornando-se o 4º homem mais rico do mundo.

Em 2010, de acordo com a mesma fonte, com $ 36,5 bilhões, ele assume a 24ª posição do ranking, juntamente com Sergey Brin.

Em 2012 a Revista Forbes classificou Larry Page como a 3° pessoa mais rica do mundo, com $ 55,7 bilhões de dólares.

E em 2014 foi eleito pela Forbes, a 17° pessoa mais rica do mundo, com uma fortuna estimada em $ 32,3 bilhões de dólares.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 8 - Mukesh Ambani.

Mukesh Ambani 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 71.6B

Idade: 63 anos

País de origem: Índia

Empresa: Reliance Industries Limited

Os 10 homens mais ricos do mundo - Mukesh Ambani - Jornada.

Nome, Mukesh Dhirubhai Ambani, nasico em Áden, em 19 de abril de 1957, é um empresário indiano, e o residente mais rico da Ásia.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Mukesh Ambani não é muito conhecido no ocidente, más, é muito famoso na Ásia.

Ele é o presidente do conselho, CEO, e o maior acionista da Reliance Industries Limited (RIL).

A RIL é a maior empresa privada da Índia.

Suas ações pessoais na Reliance Industries somam 44,7%.

Sua fortuna é avaliada em US $ 71.6 bilhões de acordo com a Forbes, fazendo dele o 1º indiano mais rico, e o 36º mais rico do mundo em 2016.

Mukesh e seu irmão mais novo Anil são filhos do fundador da Reliance Industries, Dhirubhai Ambani.

Ele e seu irmão são proprietários da casa mais cara do mundo.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 9 - Sergey Brin.

Sergey Brin 300x300 1 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 69.6B

Idade: 46 anos

País de origem: Rússia /Nacionalidade: Americana

Empresa: Diretor da Alphabet

Os 10 homens mais ricos do mundo - Sergey Brin - Jornada.

Nome, Sergey Mihailovich Brin, mais conhecido como Sergey Brin, nasceu em Moscou, em 21 de agosto de 1973, é presidente da Alphabet Inc, co-fundador e ex-presidente do Google, o site de busca mais popular da internet.

Quando o falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo Sergey Brin se destaca por ter sido um dos criadores do Google.

Filho de pais judeus, Sergey Brin emigrou em 1979 para os Estados Unidos juntamente com a família, fugindo do anti-semitismo da União Soviética.

Seu pai, Mihail Brin, começou a trabalhar na Universidade de Maryland, no College Park, onde continua até hoje, e sua mãe, Eugenia Brin, trabalhava como especialista na NASA até sua aposentadoria em 1997, por indícios do mal de parkinson.

Sergey formou-se em Matemática e Ciências da Computação com honras pela Universidade de Maryland.

Na Universidade Stanford também se juntou a Larry Page, e juntos desenvolveram o Google, uma empresa com valor de mercado estimado em mais de $ 290 bilhões de dólares.

O Google foi fundado em 1998, desde então, ambos dividem a responsabilidade pela empresa.

Em 2012, a Forbes classificou Sergey Brin como a 24.º pessoa mais rica do mundo, com $ 18,7 bilhões de dólares.

Em julho de 2020, ele é classificado nono homem mais do mundo com uma fortuna estimada de $ 69,6 bilhões de dólares.

Infância na União Soviética.

Em 1979, quando Brin tinha seis anos, sua família sentiu a necessidade de emigrar para os Estados Unidos.

Em uma entrevista com Mark Malseed, autor de The Google Story, o pai de Sergey explica como se sentiu “forçado a abandonar seu sonho de se tornar um astrônomo, mesmo antes de chegar à faculdade”.

Oficialmente, o anti-semitismo, não existia na URSS, mas, na realidade, a liderança do Partido Comunista barrava os judeus de chegarem na alta hierarquia profissional, negando-lhes o acesso às universidades (ambos os pais são graduados da Universidade Estadual de Moscou).

Judeus foram excluídos dos departamentos de Física, ” ele, portanto, mudou seus estudos para a matemática, onde recebeu quase sempre nota A”.

No entanto, ele disse:

“Ninguém iria me considerar para a pós-graduação, porque eu era judeu.”

A família Brin vivia em um pequeno apartamento de três quartos, com 35 metros quadrados no centro de Moscou, que também era compartilhado com a avó paterna de Sergey.

Sergey conta:

“Eu sabia há muito tempo que meu pai não foi capaz de prosseguir na carreira que queria.”

Mas Sergey apenas entendeu os detalhes anos mais tarde, depois que eles tinham se estabelecido na América.

Ele entendeu, em 1977, depois que seu pai retornou de uma conferência de matemática em Varsóvia, Polônia, e disse que era hora de a família emigrar.

“Não podemos ficar mais aqui.”

Disse seu pai à sua esposa e à sua mãe.

Disse ainda que na conferência:

“pude misturar-me livremente com os colegas dos Estados Unidos, França, Inglaterra e Alemanha, e descobriu que seus irmãos intelectuais do Ocidente ‘não eram monstros.”

E acrescentou:

“Eu era o único na minha família que havia decidido que era realmente importante sair…”

A mãe de Sergey estava menos disposta a deixar sua casa em Moscou, onde tinham passado sua vida inteira.

Malseed escreve:

“Por Genia, a decisão em última instância, seria de Sergey. Enquanto o marido confessa que ele estava pensando muito mais sobre seu próprio futuro, do que o de seu filho, para ela era 80/20 sobre o futuro de Sergey.”

Eles solicitaram formalmente seu visto de saída, em setembro de 1978, e, como resultado seu pai “foi imediatamente demitido”.

Por razões relacionadas, sua mãe também teve que deixar seu emprego.

Pelos próximos oito meses, sem qualquer renda fixa, eles foram forçados a aceitar empregos temporários enquanto esperavam, não sabendo se seu pedido de visto seria concedido.

Durante este tempo, seus pais compartilharam a responsabilidade por cuidar dele, e seu pai ensinou-lhe programação de computadores.

Em maio de 1979, foram concedidos os vistos de saída oficial e assim foram autorizados a deixar o país.

Em uma entrevista em outubro de 2000, Brin disse:

“Eu sei os tempos difíceis que meus pais passaram lá, e sou muito agradecido de terem me trazido para os Estados Unidos.”

Uma década antes, no verão de 1990, algumas semanas antes de seu aniversário de 17 anos, seu pai levou um grupo de talentosos alunos do ensino médio de matemática, incluindo Sergey, em um programa de intercâmbio de duas semanas na União Soviética.

Como Sergey recorda:

“A viagem despertou o medo de infância em relação à autoridade.”

E lembra que seu:

“Primeiro impulso de enfrentamento da opressão soviética tinha sido jogar pedras em um carro da polícia.”

Malseed acrescenta:

“No segundo dia da viagem, enquanto o grupo visitou um sanatório no campo, aos arredores de Moscou, Sergei chamou seu pai de lado, olhou-o nos olhos e disse:

“Obrigado por levar-nos todos para fora da Rússia.”

Sergey Brin - Educação na América.

Brin foi à escola primária na Escola Montessori Paint Branch em Adelphi, Maryland, mas ele recebeu educação complementar em casa, seu pai, um professor do departamento de matemática na Universidade de Maryland, o que alimentou o seu interesse pela matemática, e sua família o ajudou a manter vivo o domínio da língua russa.

Em setembro de 1990, após ter frequentado o ensino médio na Eleanor Roosevelt High School, Brin foi matriculado na Universidade de Maryland, em College Park, para estudar ciência da computação e matemática, onde recebeu seu diploma de bacharel, com mérito, em maio de 1993.

Brin começou seus estudos de pós-graduação em Ciência da Computação na Universidade de Stanford em uma bolsa de pós-graduação da National Science Foundation.

Em 1993, era estagiário na Wolfram Research, fabricante do Mathematica (software).

Mais tarde, Sergey fez licenciatura de estudos de Ph.D. na Universidade de Stanford.

Desenvolvimento do motor de busca.

Quando o foco é os 10 homens mais ricos do mundo, Larry Page se destaca por ter tido uma percepção visionária que mudou os rumos da humanidade.

Durante uma orientação para novos alunos em Stanford, ele conheceu Larry Page.

Em uma recente entrevista para a revista The Economist, Brin, brincando, disse:

“Nos tornamos almas-gêmeas intelectuais e amigos íntimos.”

O foco de Brin foi o desenvolvimento de sistemas de classificação de dados (data-mining) enquanto Page estava em aprofundar:

“O conceito de se inferir a importância de um trabalho de pesquisa a partir de suas citações em outros trabalhos.”

Juntos, os dois foram autores do que é considerado a sua contribuição decisiva, um trabalho intitulado:

“The Anatomy of a Large-Scale Hypertextual Web Search Engine”

Um dos documentos científicos mais baixados na história da Internet.

Combinando suas ideias, eles:

“Abarrotaram seus dormitórios com computadores baratos.”

E testaram os seus sistemas do novo motor de busca na web.

Seu projeto cresceu rápido o suficiente para:

“Causar problemas na infra-estrutura de computação de Stanford.”

Mas eles perceberam que tinham conseguido criar um motor superior para pesquisar a web e suspenderam seus estudos de doutorado para trabalhar mais em seu sistema.

Como Larry Malseed escreveu:

“Pedindo dinheiro aos membros do corpo docente, familiares e amigos, Sergey e Larry juntaram o suficiente para comprar alguns servidores e para alugar a famosa garagem em Menlo Park. … [Logo após], o co-fundador da Sun Microsystems, Andy Bechtolsheim, escreveu um cheque de US$ 100.000 para a “Google Inc.”

O único problema era que a “Google Inc.” ainda não existia, não tinha sido formalmente criada.

Durante duas semanas, enquanto lidavam com a papelada, os jovens não tinham como descontar o cheque.

A revista The Economist descreve como Brin encara a vida, assim como Page, como uma visão resumida pelo lema do Google:

“Tornar a informação do mundo universalmente acessível e útil a todos.”

Pouco tempo depois de os dois:

“Cozinharem seu motor para pesquisas na web, eles começaram a pensar sobre a informação que está hoje fora da web.”

Como a digitalização de livros, e a divulgação de informações de saúde.

No início, Larry e Sergey cogitaram a hipótese de vender a empresa e voltar aos estudos.

Porém, o valor cobrado (de 5 milhões de dólares) foi considerado alto pelos possíveis compradores.

Hoje, a holding vale mais de $ 290 bilhões de dólares.

Sergey Brin - Prêmios e reconhecimento.

Produziu mais de uma dúzia de trabalhos acadêmicos, que incluem:

_Extraindo Padrões e Relações da WWW;

_Data Mining Dinâmico: Uma Nova Arquitetura de Dados com Alta Dimensionalidade, que foram publicadas em conjunto com Larry Page;

_Técnicas Escalonáveis para Exploração de Estruturas Casuais;

_Contagem Dinâmica de Conjuntos de Itens e Regras Derivadas para Dados de Transações de Compra, e Além das Transações de Compra: Generalizando Regras de Associação para Correlações.

Em 2003, tanto Brin como Page receberam o MBA honorário do IE Business School:

“Para que incorporem o espírito empreendedor e dinamismo de comando para a criação de novas empresas …”.

Em 2004, eles receberam o prêmio da Fundação Marconi, o Maior “Prêmio em Engenharia”, e foram eleitos Fellows (membro honorário) da Fundação Marconi na Universidade de Columbia.

Ao anunciar a sua seleção, John Jay Iselin, presidente da Fundação, parabenizou os dois homens pela sua:

“Invenção que mudou fundamentalmente a forma como a informação é recuperada hoje”

Juntaram-se a um quadro:

“Seleto dos 32 pioneiros mais influentes do mundo da tecnologia de comunicação.”

Em fevereiro de 2009, Brin foi empossado na Academia Nacional de Engenharia, a qual é:

“Uma das mais altas distinções concedidas a um engenheiro … homenageia aqueles que deram contribuições importantes para pesquisa na prática de engenharia…”

Ele foi selecionado especificamente:

“Para a liderança no desenvolvimento de indexação e recuperação rápida de informações relevantes a partir da World Wide Web.”

Também foi orador no World Economic Forum and the Technology, Entertainment and Design Conference.

Em 2014, foi eleito pela Forbes, o 17.º mais rico do mundo, com uma fortuna avaliada em 32,8 bilhões de dólares.

Sergey Brin - Vida no Google.

Sergey ainda divide com Larry Page a responsabilidade pelas operações diárias da empresa e pelo laboratório X, laboratório de inovação responsável pelo Google Glass, o Loon, para usar balões para levar conexão de internet a pontos afastados do mundo e o carro autônomo.

Dentre as atividades de pesquisa de Sergey estão inclusos mecanismos de busca, extração de informações de fontes não estruturadas, e data mining em grandes conjuntos de texto e dados científicos.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Número 10 - Elon R. Musk.

Elon Musk 300X300 - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Patrimônio Estimado: US$ 68.7B

Idade: 49 anos

País de origem: África do Sul

Empresa: CEO da Tesla Inc.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Elon Musk - Jornada.

Nome, Elon Reeve Musk, nascido em Pretória, em 28 de junho de 1971, é um empreendedor, filantropo e visionário sul-africano-canadense-americano.

Quando se trata dos 10 homens mais ricos do mundo, Elon Musk também se destaca por ser um grande visionário e inovador.

Ele é o fundador, CEO e CTO da SpaceX, CEO da Tesla Motors, vice-presidente da OpenAI, fundador e CEO da Neuralink, e co-fundador e presidente da SolarCity.

Até julho de 2020 a fortuna de Musk é estimada em $ 68.7 bilhões de dólares, o que o posiciona como a 10.ª pessoa mais rica do mundo segundo a Forbes.

Musk não só já demonstrou publicamente preocupações com a extinção da humanidade, como também propôs soluções, das quais algumas são o objetivo principal de suas empresas e já estão sendo feitas na prática.

Entre elas, estão a redução do aquecimento global, através do uso de energias renováveis, um projeto multiplanetário, mais especificamente a colonização de Marte, e o desenvolvimento seguro da inteligência artificial.

Em janeiro de 2011, uma de suas empresas, a SpaceX, tornou-se a primeira empresa no mundo a vender um voo comercial à Lua.

A missão, marcada para 2013, foi contratada pela empresa Astrobotic Technology, tendo como objetivo, colocar um pequeno jipe na superfície lunar, o que não aconteceu.

Em 2012, encerrou o projeto do Tesla Roadster, o primeiro modelo da sua autoria, um carro totalmente elétrico que custava cerca de $ 92 mil dólares.

Atualmente, a Tesla já lançou mais três modelos: S, X e o Modelo 3, este último com a responsabilidade de trazer os carros elétricos para as massas, partindo de um custo inicial de $ 35 mil dólares.

Infância.

Filho de Maye Musk (née Haldeman), modelo e nutricionista de Regina, Saskatchewan, Canadá, e Errol Musk, um engenheiro eletromecânico, piloto e marinheiro sul-africano.

Ele tem um irmão mais novo, Kimbal (nascido em 1972) e uma irmã mais nova, Tosca (1974).

Sua avó paterna era britânica e ele também possui ascendência holandesa.

Seu avô materno era estadunidense, de Minnesota.

Depois que seus pais se divorciaram em 1980, Musk viveu principalmente com seu pai nos subúrbios de Pretória, mas que depois disse que “não foi uma boa ideia”.

Depois de adulto, Musk cortou as relações com seu pai.

Ele tem uma meia-irmã.

Durante a infância ele foi um ávido leitor.

Aos 10 anos, desenvolveu interesse em computação com o Commodore VIC-20.

Ele auto-aprendeu programação de computadores aos 12 anos e vendeu o código de um jogo de vídeo baseado em BASIC que ele criou chamado Blastar para uma revista chamada PC and Office Technology por cerca de 500 dólares.

Uma versão web do jogo está disponível on-line.

Sua leitura da infância incluiu a Série da Fundação de Isaac Asimov, da qual ele tirou a lição de que “você deve tentar tomar o conjunto de ações que provavelmente prolongarão a civilização, minimizarão a probabilidade de uma idade das trevas e reduzirão o tamanho de uma era das trevas se houver uma.”

Musk sofreu severamente com bullying ao longo de sua infância, e já foi hospitalizado quando um grupo de meninos o jogou por um lance de escadas e depois o espancaram até perder a consciência.

Ele se mudou para o Canadá em junho de 1989, pouco antes do seu 18º aniversário, depois de obter a cidadania canadense através de sua mãe nascida no país.

Elon Musk - Família.

A irmã do Elon, Tosca Musk, é uma diretora cinematográfica.

Ela é fundadora do Musk Entertainment e já produziu vários filmes.

Musk conheceu sua primeira esposa, a autora canadense Justine Wilson, enquanto os dois estudavam na Queen’s University em Ontário.

Eles casaram-se em 2000 e separaram-se em 2008.

Seu primeiro filho, Nevada Alexander Musk, morreu de Síndrome de morte súbita infantil (SMSI) com 10 semanas de idade.

Depois, eles tiveram cinco filhos através da Fertilização in vitro – gêmeos em 2004, seguido por triplos em 2006.

Eles têm custódia compartilhada de todos os cinco filhos.

Em 2008, Musk começou a se encontrar com a atriz inglesa Talulah Riley, onde se casaram em 2010.

Em janeiro de 2012, Musk anunciou que ele havia acabado com seu relacionamento de quatro anos com Riley, tweetando para Riley:

“Foram quatro incríveis anos. Te amarei para sempre. Algum dia, você vai deixar alguém bem feliz.”

Em julho de 2013, Musk e Riley casaram-se de novo.

Em dezembro de 2014, Musk pediu um segundo divórcio. Entretanto, a ação foi derrubada.

A mídia anunciou em março de 2016 que os procedimentos do divórcio estavam de novo em andamento, dessa vez com Riley pedindo a separação.

O divórcio foi finalizado no fim de 2016.

Musk começou a namorar a atriz americana Amber Heard em 2016, mas separaram-se depois de um ano devido a agendas conflituosas.

No dia 7 de maio de 2018, Musk e a musicista canadense Grimes revelaram que haviam começado a namorar.

Em 8 de janeiro de 2020, Grimes anunciou que estava grávida de seu primeiro filho.

A criança nasceu em 4 de maio de 2020.

De acordo com Musk e Grimes, o nome da criança seria “X Æ A-12”, no entanto, o nome foi considerado ilegal sob a lei da Califórnia devido a caracteres que não consistem no alfabeto inglês.

A criança acabou sendo registrada como “X AE A-XII”, sendo “X” o primeiro nome e “AE A-XII” o nome do meio.

Elon Musk - Educação.

Com 17 anos de idade, Musk foi aceito na Queen’s University em Kingston, Ontário, para estudo de graduação.

Em 1992, depois de passar dois anos na instituição, Musk se transferiu para a Universidade da Pensilvânia, onde em maio de 1997 ele obteve um diploma de bacharelado em física, em sua faculdade de artes e ciências, e um bacharelado em economia na Wharton School of Business.

Musk estendeu seus estudos por um ano para terminar o segundo grau de bacharel.

Enquanto esteve na Universidade da Pensilvânia, Musk e seu amigo Penn Adeo Ressi alugaram uma república estudantil de 10 quartos, usando-a como uma boate não oficial.

Em 1995, aos 24 anos, Musk mudou-se para a Califórnia para começar um doutorado em física aplicada e ciência dos materiais na Universidade de Stanford, mas deixou o programa após dois dias para perseguir suas aspirações empresariais nas áreas da internet, energia renovável e espaço sideral.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Os 10 homens mais ricos do mundo - Carreira.

Em 1982, com apenas 11 anos, criou seu próprio jogo de vídeo game, que mais tarde foi vendido para uma empresa sul-africana por $ 500 dólares.

Formou-se em Economia pela Universidade da Pensilvânia, e um ano depois obteve um diploma de Física.

Mudou-se para a Califórnia e fundou a empresa Zip2, uma companhia que desenvolvia conteúdo para portais de notícias.

Em 1999, a empresa foi comprada pela Compaq por $ 307 milhões de dólares e 34 milhões em ações.

Elon Musk - X.com e PayPal.

Em março de 1999, Musk co-fundou a X.com, uma empresa de pagamento de serviços financeiros on-line e de e-mail, com $ 10 milhões da venda da Zip2.

Um ano depois, a empresa se fundiu com a Confinity, que tinha um serviço de transferência de dinheiro chamado PayPal.

A empresa foi fundida e focada no serviço do PayPal, além de ter sido renomeada para a marca “PayPal” em 2001.

O crescimento precoce do PayPal foi impulsionado principalmente por uma campanha de marketing viral onde novos clientes foram recrutados quando receberam dinheiro através do serviço.

Musk foi expulso em outubro de 2000 de seu papel como CEO (embora ele permaneça no conselho) devido a desentendimentos com a liderança de outras empresas, principalmente pelo desejo de mover a infraestrutura baseada em Unix do PayPal para o Microsoft Windows.

Em outubro de 2002, a eBay adquiriu a PayPal por $ 1,5 bilhão de dólares em ações, dos quais Musk recebeu $ 165 milhões de dólares.

Antes de sua venda, Musk, que era o maior acionista da empresa, detinha 11,7% das ações do PayPal.

SpaceX.

Com $ 100 milhões de dólares de sua fortuna inicial, Musk fundou a Space Exploration Technologies, ou SpaceX, em maio de 2002.

Ele é diretor executivo e diretor de tecnologia (CTO) da empresa sediada em Hawthorne, Califórnia.

A SpaceX desenvolve e fabrica veículos de lançamento espacial com foco no avanço do estudo da tecnologia de foguetes.

Os dois primeiros veículos de lançamento da empresa são os foguetes Falcon 1 e Falcon 9 (uma homenagem para a Millennium Falcon de Star Wars) e sua primeira nave espacial é a Dragon (uma homenagem para o filme Puff the Magic Dragon).

Em sete anos, a SpaceX projetou a família de veículos de lançamento Falcon e a nave espacial multiuso Dragon.

Em setembro de 2008, o foguete Falcon 1 tornou-se o primeiro veículo de financiamento privado a colocar um satélite na órbita terrestre.

Em 25 de maio de 2012, a Dragon ancorou com a Estação Espacial Internacional, fazendo história como a primeira empresa comercial a lançar e embarcar um veículo para a EEI.

Ao trabalhar em conjunto com a NASA, Elon passou a acreditar que a humanidade deve ter outra opção para a eventualidade de uma catástrofe global, investindo na colonização de Marte.

Elon Musk - Tesla Motors.

Uma empresa que desenvolve e produz carros elétricos e baterias, a Tesla Motors é mais um projeto de Musk que pretende dar fim a supremacia do motor a combustão interna e, consequentemente, diminuir os efeitos do aquecimento global.

Com foco nos sedans e nos utilitários esportivos, em 2017, se tornou a montadora mais valiosa dos Estados Unidos, ultrapassando gigantes como a General Motors e a Ford, ainda que possua menor número de vendas e presença internacional.

A Tesla lançou, em 2018, o primeiro carro elétrico considerado relativamente acessível, o Model 3, por US $ 35.000.

Entretanto, a empresa tem mostrado dificuldade em cumprir as metas de produção e, portando, suprir a demanda dos clientes.

Elon Musk classificou esse cenário como “production hell”.

O CEO assumiu a culpa, mas disse que trata-se apenas de um contratempo, causado principalmente por uma tentativa falha de automação quase total das indústrias em que o Model 3 é fabricado.

Nesse cenário, a The Economist chegou a noticiar que a Tesla precisaria de um financiamento de US $ 2,5 bilhões para manter suas operações.

Musk, porém, afirmou que a empresa se tornará lucrativa ainda em 2018, portanto a análise da revista estaria equivocada.

SolarCity.

Musk forneceu o conceito inicial e o capital financeiro da SolarCity, que foi então co-fundado em 2006 pelos primos Lyndon e Peter Rive.

Até 2013, a SolarCity era o segundo maior fornecedor de sistemas de energia solar nos Estados Unidos.

A SolarCity foi adquirida pela Tesla, Inc. em 2016 e atualmente é uma subsidiária integral da Tesla.

A motivação subjacente ao financiamento do SolarCity e da Tesla foi ajudar a combater o aquecimento global.

Em 2012, Musk anunciou que a SolarCity e a Tesla estão colaborando para usar baterias de veículos elétricos para suavizar o impacto do telhado solar na rede elétrica.

Elon Musk - Gigafactory.

Em 17 de junho de 2014, Musk se comprometeu a construir uma fábrica de produção avançada da SolarCity em Buffalo, Nova Iorque, que iria triplicar o tamanho da maior planta solar nos Estados Unidos.

Musk declarou que a planta será “uma das maiores plantas de produção de painéis solares no mundo,” e que seria seguida por uma ou mais fábricas ainda maiores nos anos seguintes.

O Tesla Gigafactory 2 é uma fábrica de células fotovoltaicas, arrendada pela subsidiária da Tesla/SolarCity em Buffalo, Nova Iorque.

A construção da fábrica foi iniciada em 2014 e completada em 2017.

Hyperloop.

Em 2013 Elon Musk apresentou o Hyperloop, um novo conceito de transporte de alta velocidade.

O Hyperloop consiste em um tubo de baixa pressão com cápsulas, transportadas a grande velocidade ao longo do tubo.

Permitirá viajar a alta velocidade, aproximando-se dos 1 200 km/h.

A construção da ligação entre Los Angeles e San Francisco custaria 6 bilhões de dólares, muito menos do que os 75 bilhões de dólares previstos para o trem de alta velocidade.

Elon Musk - OpenAI.

Em dezembro de 2015, Musk anunciou a criação da OpenAI, uma empresa de pesquisa de inteligência artificial sem fins lucrativos (AI).

OpenAI visa desenvolver inteligência artificial de forma segura e benéfica para a humanidade.

A OpenAI quer:

“Contrariar grandes corporações que podem ganhar muito poder ao possuir sistemas de superinteligência dedicados aos lucros, bem como aos governos que podem usar a AI para ganhar poder e até oprimir seus cidadãos”.

Musk declarou que quer neutralizar a concentração do poder.

Neuralink.

Em 2016, a Musk co-fundou a Neuralink, uma empresa de inicialização de neurotecnologia, para integrar o cérebro humano com a inteligência artificial.

A empresa, que ainda está nos primeiros estágios da existência, está centrada na criação de dispositivos que podem ser implantados no cérebro humano, com o objetivo final de ajudar os seres humanos a se fundir com o software e acompanhar os avanços na inteligência artificial.

Esses aprimoramentos podem melhorar a memória ou permitir uma interface mais direta com dispositivos de computação.

Elon Musk - The Boring Company.

Em 17 de dezembro de 2016, enquanto estava preso no trânsito, Musk disse: “Vou construir uma máquina de túnel e apenas começar a cavar …” A empresa recebeu o nome de “The Boring Company”.

Em 21 de janeiro de 2017, Musk tweetou:

“Avançado progresso na frente do túnel.

Planejo começar a cavar em um mês ou mais”.

O primeiro túnel começará no campus da SpaceX e provavelmente irá para um local próximo de um estacionamento.

Destino e religião.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo, Elon Musk se destaca por ter algumas das declarações mais polêmicas, entre elas:

Quando perguntado se ele acreditava se “há algum tipo de Destino envolvido” na transição da Humanidade para uma espécie multiplanetária, em vez de “só física,” Musk respondeu:

“Bem, acredito. Eu acho que há algum tipo de inteligência mestre arquitetando todas essas coisas? Acho que provavelmente não, pois você teria de dizer: “De aonde a inteligência mestre veio?” Então isso meio que levanta a questão. Então eu acho que você realmente pode explicar isso com as leis fundamentais da física. Você conhece este fenômeno complexo a partir de elementos simples.”

Musk já declarou que não reza ou adora qualquer ser, apesar de anteriormente já ter admitido que havia rezado antes de um lançamento importante do Falcon 1, perguntando a:

“Quaisquer entidades que [estejam] ouvindo” para “abençoar o lançamento.”

Quando perguntado se ele acreditava que religião e ciência podem coexistir, Musk respondeu:

“Provavelmente não.”

Elon Musk - Vida extraterrestre.

Apesar de Musk acreditar que:

“Há uma boa chance de ter formas de vida simples em outros planetas,” ele “questiona se há vida inteligente no universo conhecido.”

Musk esclareceu que:

“Sua esperança é de que haja vida inteligente no universo conhecido.”

E declarou que:

“É mais provável do que que não, mas é uma adivinhação completa.”

Musk também já considerou a Hipótese da simulação como uma solução em potencial ao Paradoxo de Fermi:

“A falta de qualquer vida notável pode ser um argumento em favor de estarmos numa simulação…. Tipo quando você está jogando um game de aventura e você pode ver as estrelas no fundo, mas nunca poderá chegar nelas. Se não é uma simulação, então talvez estejamos num laboratório onde alguma civilização alienígena avançada, que está apenas vendo como nós nos desenvolvemos, por curiosidade, como mofo em uma placa de Petri…. Se você olhar ao nosso nível de tecnologia atual, alguma coisa estranha deve ocorrer com as civilizações, e eu quero dizer: estranha num mal sentido. … E pode haver muitas civilizações uni planetárias, mortas.”

Os 10 homens mais ricos do mundo - Elon Musk - Inteligência artificial.

Musk tem frequentemente falado sobre os riscos em potencial da inteligência artificial, declarando isso como:

“A ameaça mais séria à existência da raça humana.”

Durante uma entrevista de 2014 no AeroAstro Centennial Symposium do MIT, Musk descreveu a IA como:

“A maior ameaça existência [da Humanidade].”

Declarando ainda:

“Eu estou cada vez mais inclinado a pensar que deveria ter alguma supervisão regulatória, talvez num nível nacional ou internacional, só para ter certeza de que não venhamos a realizar algo muito idiota.”

Musk descreveu a criação da inteligência artificial como:

“Convocar o demônio”.

Apesar disso, Musk previamente investiu no DeepMind, uma empresa de IA, e Vicarious, uma empresa que trabalha para melhorar a machine inteligence.

Em janeiro de 2015, ele doou 10 milhões de dólares para o Future of Life Institute, uma organização focada nos desafios criados por tecnologias avançadas.

Ele é copresidente do OpenAI, uma empresa não lucrativa para pesquisar a inteligência artificial.

COVID-19.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo Elon Musk também fez algumas declarações polêmicas a respeito da pandemia provocada pelo vírus COVID-19.

Musk tem recebido críticas sobre suas visões e ações sobre a pandemia.

No dia 31 de janeiro, ele conectou alguns aspectos da COVID-19 com a gripe comum e declarou:

“O pânico do corona-vírus é besteira.”

“O perigo do pânico é maior que o perigo do corona-vírus. Se passarmos a maior parte dos recursos médicos para essa doença, isso será ao custo do tratamento de outras doenças.”

Musk também tem sido criticado por tweetar alegações contestadas sobre a doença, incluindo a de que:

“Crianças são essencialmente imunes, mas idosos com condições pré-existentes são vulneráveis.”

O que foi acompanhado por um gráfico mostrando que nenhuma criança havia morrido na Itália até 15 de março e por dizer que:

“Baseado no que está ocorrendo, provavelmente não terá nenhum caso novo ao final de abril.”

Em adição, ele promoveu artigos sugerindo que empresas de saúde estariam inflando os números de casos do COVID-19 por motivos financeiros, promoveu um artigo sobre os benefícios da cloroquina que foi desacreditado e retirado do Google e retweetou um vídeo chamando pelo dim das medidas de distanciamento social, adicionando que:

“Os médicos têm bons argumentos.”

Elon Musk - Filantropia.

Quando falamos sobre os 10 homens mais ricos do mundo Elon Musk também é considerado como um grande filantropo.

Musk é presidente da Musk Foundation, que foca em esforços filantrópicos para prover sistemas de energia solar em áreas atingidas por desastres.

Em 2010, a Musk Foundation colaborou com a SolarCity para doar um sistema de energia solar de 25 kW para o centro de resposta à furacão da South Bay Community Alliance em Coden (Alabama).

Em julho de 2011, a Musk Foundation doou US $ 250 000 para um projeto de energia solar em Soma, Japão, uma cidade que recentemente havia sido devastada por um tsunami.

Em julho de 2014, os cartunistas Matthew Inman e William Terbo, sobrinhos netos de Nikola Tesla, pediram para Musk doar US $ 8 milhões para a construção do Tesla Science Center at Wardenclyffe.

No fim, Musk concordou em doar US $ 1 milhão para o projeto, também prometeu construir um Tesla Supercharger no estacionamento do museu.

Musk doou US $ 10 milhões para o Future of Life Institute em janeiro de 2015, para operar um programa global de pesquisa com o objetivo de manter a inteligência artificial benéfica para a Humanidade.

Desde 2015, Musk é um fiduciário do X Prize Foundation e um signatário do The Giving Pledge.

Em outubro de 2018, num esforço de resolver a Crise aquífera de Flint, Musk e a Musk Foundation doaram mais de US $ 480 000 para instalar novas fontes de água com sistemas de filtração para permitir o acesso de água potável para todas as escolas de Flint (Michigan).

Elon Musk - Prêmios e reconhecimentos.

Quando o assunto é os 10 homens mais ricos do mundo Elon Musk também é um dos homens de maior reconhecimento pelos seus feitos em prol da humanidade.

Em 2006, Musk serviu como membro do Conselho da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos Aeronáutica e Engenharia Aeroespacial.

Prêmio Empreendedor do Ano da Inc. em 2007 por seu trabalho na Tesla e SpaceX.

Prêmio Index Design de 2007 por seu design do Tesla Roadster.

Prêmio de design do produto da Global Green em 2006, pelo design do Tesla Roadster, entregado por Mikhail Gorbachev.

Prêmio Geroge Low do American Institute of Aeronautics and Astronautics pela contribuição mais incrível no campo do transporte espacial em 2007/2008.

Musk foi reconhecido pelo seu design no Falcon 1, o primeiro foguete de combustível líquido desenvolvido privativamente a chegar em órbita.

Prêmio National Conservation Achievement (2008) do National Wildlife Federation para a Tesla e SolarCity.

Outros destinatários de 2008 incluem o jornalista Thomas Friedman, o Senador Norte-Americano Patrick Leahy (D-VT), e o Governador da Flórida Charlie Crist.

Troféu Von Braun da National Space Society em 2008/2009, dado pela liderança na conquista espacial mais significante. Destinatários anteriores incluem Burt Rutan e Steve Squyres.

Listado como uma das 100 pessoas que mais afetaram o mundo pela Time em 2010.

O corpo governamental mundial para recordes aeroespaciais, Fédération Aéronautique Internationale, presenteou Musk em 2010 com o maior prêmio aeroespacial, a Medalha de Ouro Espacial da FAI, por projetar o primeiro foguete privado a atingir a órbita. Outros ganhadores incluem Neil Armstrong, Burt Rutan da Scaled Composites e John Glenn.

Nomeado uma das 75 pessoas mais influentes do século 21 pela revista Esquire.

Reconhecido como uma Lenda Viva da Aviação em 2010 pela Fundação Kitty Hawk por criar o sucessor do Ônibus Espacial (foguete Falcon 9 e a nave Dragon). Outros ganhadores incluem Buzz Aldrin e Richard Branson.

Em fevereiro de 2011, Forbes listou Musk como um dos “20 CEOs Mais Poderosos dos EUA na Faixa dos 40 anos de idade e abaixo.”

Em junho de 2011, Musk foi premiado com US $ 250 000 do Heinlein Prize for Advances in Space Commercialization.

Em 2010, Musk foi premiado com o maior prêmio do Royal Aeronautical Society: uma Medalha de Ouro.

Musk foi o ganhador do Prêmio de Ingenuidade Americana na categoria de Tecnologia da revista Smithsonian.

Em 2013, Musk foi nomeado o Homem de Negócios do ano na revista Fortune pela SpaceX, SolarCity e Tesla.

Em 2015, ele foi premiado com um IEEE Honorary Membership.

Em junho de 2016, Business Insider nomeu Musk como um dos “Top 10 Visionários de Negócios que Criam Valor para o Mundo” junto de Mark Zuckerberg e Sal Khan.

Em dezembro de 2016, Musk foi colocado na vigésima primeira posição da Lista das pessoas mais poderosas segundo a revista Forbes.

Em maio de 2017, Musk foi premiado com o Oslo Business for Peace Award.

Foi eleito Membro da Royal Society (FRS) em 2018.

Os 10 homens mais ricos do mundo - Conclusão.

os 10 homens mais ricos do mundo conclusão - Os 10 Homens Mais Ricos Do Mundo – Saiba Quem São Em 2020.

Bem amigo (a), não temos como não reconhecer que as histórias de vida desses homens são incríveis e muito inspiradoras, não é verdade?

E depois de tudo que vimos sobre as jornadas dos 10 homens mais ricos no mundo, fica ainda mais claro para mim a importância de termos conhecimentos mais aprofundados sobre o universo das finanças e dos investimentos.

Principalmente, conhecimentos sobre os assuntos que são relacionados à construção de patrimônio.

Por isso, considero os conceitos sobre, ganhar dinheiro, poupar dinheiro, investir dinheiro, e, reinvestir dinheiro, importantíssimos.

E com certeza, eles devem ser considerados como os 4 pilares fundamentais para a construção de patrimônio.

E é por isso também, que trato sobre cada um desses pilares aqui no portal, e, incentivo as pessoas a desenvolverem e aplicarem cada vez mais esses conceitos em suas vidas.

Más, na minha opinião, o pilar do ganhar dinheiro é o mais importante de todos, em especial, o ganhar dinheiro através do empreendedorismo.

Porque como vimos, ganhar dinheiro, foi, e é, o verdadeiro propulsor que todas essas personalidades utilizaram para avançar financeiramente.

Foi através do, ganhar mais dinheiro, que esses homens conseguiram desenvolver novos projetos.

Por isso, recomendo fortemente que você conheça todos os nossos artigos aqui do portal, em especial, os artigos sobre o assunto, ganhar dinheiro, ok?

Como vimos, muito importante também é conhecer mais a respeito do universo dos investimentos, por isso, recomendo que você conheça também nossos artigos sobre o assunto investir dinheiro.

Observando esses homens, que estão no topo do sucesso financeiro mundial, não temos como negar que precisamos levar esses assuntos mais a sério e empregá-los em nossas vidas, não é verdade?

E se você estiver disposto a avançar ainda mais no universo das finanças, especialmente sobre no universo dos investimentos, recomendo fortemente que você conheça o meu curso, o: Aprenda Como Investir Em Ações.

Esse é o melhor e mais completo curso que existe atualmente do mercado brasileiro.

Nele, eu ensino tudo que aprendi de melhor em mais de 14 anos de experiência investindo ativamente no mercado de ações, através de um método completo e inovador.

Além disso, o curso fornece várias ferramentas de suporte, que são disponibilizadas gratuitamente na forma de bônus.

Nesse curso, você aprenderá todos os conceitos mais importantes para investir em ações com competência, e conseguir os melhores ganhos.

Tudo isso para ajudar você a multiplicar o seu patrimônio muito mais rápido. 

A sua opinião é muito importante para nós!

Por isso, eu gostaria de te pedir um favor!

Se você viu valor nesse artigo, compartilhe-o com quem você ama, e nos siga nas redes sociais, ok?

E se puder, me fale aí nos comentários o que você achou desse artigo, sobre os 10 homens mais ricos do mundo, beleza?

E não deixe de cadastrar-se em na nossa Lista Vip, para receber as novidades em primeira mão, e descontos especiais em nossos cursos, ok?

E se você tiver alguma dica, crítica, ou reclamação, por favor, entre em contato, ou escreva aí nos comentários!

Até o próximo post!

Forte Abraço!

Fonte de informações: Bloomberg / Wikipédia

Crédito de imagens: Canva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *